Participamos do

Pikachu acredita que experiência dele na Série A ajudará Vojvoda e pode garantir sequência

O jogador do Leão falou no auxílio que o elenco pode dar ao treinador que tem pouco mais de duas semanas no clube
11:25 | Mai. 27, 2021
Autor Brenno Rebouças
Foto do autor
Brenno Rebouças Repórter
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Em seu primeiro trabalho no Brasil, o técnico do Fortaleza, Juan Pablo Vojvoda, está prestes a estrear na Série A do Brasileiro, principal competição do futebol nacional. A falta de experiência no campeonato terá que ser compensada com muito estudo dos adversários — e possui toda a estrutura para isso —, mas também com o auxílio de jogadores que conhecem muito bem o certame e podem repassar ao comandante do Leão tudo sobre a disputa na elite.

Yago Pikachu é uma dessas peças. Em 2021, ele disputará a Série A do Brasileiro pelo quinto ano consecutivo. Nos últimos quatro anos ele defendeu o Vasco da Gama e agora vai jogar pelo Fortaleza. Na opinião do lateral-direito, que também atua no ataque, aberto pela direita, a experiência dele e de alguns outros companheiros que já jogaram bastante na principal divisão do Campeonato Brasileiro pode ajudar bastante.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

"Acredito que não só eu (Yago), mas a grande maioria já jogou uma ou duas temporadas de Série A (pode ajudar). Tem jogadores experientes, como Wellington Paulista, que também pode agregar muito com informações dos adversários, coisa que nossa comissão (já) trabalha muito, através de vídeos e tudo mais. Mas a gente que convive há bastante tempo com alguns jogadores pode dar nossa opinião e ajudar de alguma forma. Acredito que qualquer informação que a gente possa passar para o nosso treinador ou analista de desempenho, podemos sair na frente e surpreender nossos adversários", disse Pikachu, em coletiva.

Yago acredita também que na Série A pode ter a sequência de jogos que ainda não teve nos primeiros meses do ano com o Tricolor. Ele sabe, porém, que não é apenas a experiência no certame que vai fazer com que isso aconteça. Por isso, diz que espera a próxima oportunidade para demonstrar que tem condição de estar sempre atuando.

“Não tem outra forma para conseguir nosso espaço, é demonstrando dentro de campo que a gente tem condições de estar entre os onze, claro que temos que respeitar a escolha do treinador, mas a gente vai trabalhar pra sempre estar sendo utilizado, seja iniciando uma partida ou entrando no decorrer do jogo. Campeonato Brasileiro é muito difícil, já teremos jogos importantes nesse início, junto com a Copa do Brasil, acredito que todo mundo vai ter sua oportunidade de jogar e quem mostrar o melhor futebol com certeza pode estar entre os onze numa próxima partida. Então vou trabalhar para quando a oportunidade aparecer para mim, eu aproveitar da melhor maneira", garante.

Pikachu disse ainda que sabe que a torcida espera mais dele. Até agora foram dois gols em nove jogos, sendo um de falta, inclusive recebendo placa de mais bonito da segunda fase da Copa do Brasil.

"Sei que a expectativa em cima de mim é bem grande. Acredito que tenho muito a crescer, muito a evoluir ainda, então com uma sequência de jogos maior, tenho certeza que posso render ainda mais. Vou buscar meu espaço para ter essa continuidade, para ter essa sequência de jogos, de minutos, que com certeza isso me dará mais confiança, mais leveza”, concluiu.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags