Participamos do

"Em casa" no Fortaleza, Benevenuto pede tempo para adaptação de Vojvoda

Titular do Leão, zagueiro elogia ambiente interno, comemora desempenho em campo e projeta trabalho com técnico argentino
19:00 | Mai. 07, 2021
Autor Afonso Ribeiro
Foto do autor
Afonso Ribeiro Repórter de Esportes
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Há pouco mais de um mês no Pici, o zagueiro Marcelo Benevenuto não esconde que já se sente à vontade na nova casa. Adaptado ao Fortaleza e titular da equipe, o defensor também quer facilitar a imersão do técnico argentino Juan Pablo Vojvoda ao ambiente a partir da próxima semana.

Anunciado pelo Tricolor no final de março, sob protestos por uma acusação de agressão à ex-namorada em 2017, o camisa 5 não demorou a conquistar um espaço entre os titulares, ainda sob comando de Enderson Moreira. Dono da posição, o zagueiro festeja a retomada das boas atuações e a confiança do grupo.

"Me adaptei o mais rápido possível. O clube e as pessoas aqui dentro fizeram com que eu me sentisse em casa. Ontem (quinta-feira) fez um mês que eu estou aqui no clube, mas parece que já estou aqui há um ano. Isso é bom para o jogador, que fica mais à vontade de brincar com os companheiros, de dar uma dura dentro de campo, também quando o companheiro vier falar. A avaliação do meu trabalho aqui é que estou indo bem, voltando a jogar meu bom futebol. Sei que há um tempo não estava no nível que eu costumo jogar, e o Fortaleza está me dando oportunidade de mostrar o meu futebol e o nível que eu posso alcançar", ponderou Benevenuto.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

LEIA MAIS

+ Em Caucaia, Fortaleza e Ferroviário fazem Clássico das Cores pela liderança
+ Os únicos invictos do Cearense, Fortaleza e Ferroviário brigam pela liderança

Em pouco tempo no Leão, o zagueiro já terá o segundo treinador diferente no comando - além do interino Léo Porto. Vojvoda firmou acerto na última terça-feira, 4, e desembarcará na capital cearense no próximo domingo, 9, para dar início aos trabalhos presenciais - o treinador já assistiu a jogos da equipe e analisou jogadores por vídeo.

"Confesso que eu não conheço. Espero que ele venha mostrar toda a sua criatividade no Fortaleza e tenha sucesso no clube. A gente vai ajudar ele no dia a dia também", garantiu o jogador. "Vi nos sites que ofereceram alguns treinadores para o Fortaleza, mas o Fortaleza buscou o melhor nome para o clube. Acredito que ele vai vir para dar o melhor dele. O Fortaleza também tem tudo para dar aqui para ele, uma estrutura excelente para que ele possa vir fazer um bom trabalho", completou.

O argentino de 45 anos terá a missão de comandar a equipe do Pici no Campeonato Brasileiro e na terceira fase da Copa do Brasil. Marcelo Benevenuto alerta que o tempo de preparação até a competição nacional será importante, mas não suficiente para a equipe se moldar totalmente ao modelo de jogo do treinador.

"Tem que dar tempo. Ainda não seria o tempo ideal, porque o Campeonato Brasileiro vai começar dia 29 ou 30. Tem que dar um tempo para o novo treinador e para a gente também, para conhecer a filosofia de jogo e pegar o mais rápido possível", frisou.

Vice-líder da segunda fase do Campeonato Cearense, com sete pontos, o Fortaleza enfrenta o Ferroviário neste sábado, 8, a partir das 21 horas, no estádio Raimundo de Oliveira, em Caucaia, pela quarta rodada.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags