Participamos do

Fortaleza tem cinco jogadores sob os cuidados do departamento médico

Delegação voltou do Rio de Janeiro com mais dois jogadores sentindo dores. Boletim oficial deve ser emitido nesta terça-feira, 23
18:12 | Nov. 23, 2020
Autor Brenno Rebouças
Foto do autor
Brenno Rebouças Repórter
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O departamento médico do Fortaleza ganhou mais dois pacientes com o retorno da delegação tricolor do Rio de Janeiro. O lateral-direito Gabriel Dias e o meia Mariano Vázquez sentem desconforto no joelho direito e estão em tratamento.

Gabriel Dias foi diagnosticado com uma tendinite antes da partida contra o Vasco da Gama, na quinta-feira passada, 19, e não esteve nem no banco de reservas nos dois duelos que o Leão fez no Rio de Janeiro. Já Mariano Vázquez sentiu dores no treino de véspera da partida contra o Botafogo, no domingo, 22, mas o clube ainda não informou um diagnóstico.

Eles se juntaram aos zagueiros Juan Quintero e Roger Carvalho, que se recuperam, ambos, de lesão no músculo adutor da coxa direita. O colombiano fez trabalhos de fisioterapia por três semanas e já faz trotes leves no em campo, além de fortalecimento na academia. Já seu companheiro de zaga está em tratamento há uma semana e meia, mas ainda não se sabe como está a evolução da recuperação.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Um boletim oficial do departamento médico deve ser emitido nesta terça-feira, 24, detalhando as lesões de cada um e atualizando a situação dos atletas.

Além dos quatro que estão no DM, o zagueiro Paulão segue em isolamento, cumprindo protocolo de recuperação da Covid-19. O jogador está assintomático e é monitorado pelo DM do Leão.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags