PUBLICIDADE
Fortaleza Esporte Clube
Noticia

Na estreia de Chamusca, Fortaleza perde para o São Paulo no Castelão; veja gols

O placar de 3 a 2 retrata um jogo movimentado no Castelão, com diversas interferências do VAR

20:58 | 14/11/2020
Fortaleza x São Paulo pela 21 rodada da Série A (Foto: Fabio Lima / O POVO )
Fortaleza x São Paulo pela 21 rodada da Série A (Foto: Fabio Lima / O POVO )

No retorno do técnico Marcelo Chamusca, o Fortaleza foi derrotado pelo São Paulo na noite deste sábado, jogo válido pela rodada 21 da Série A do Campeonato Brasileiro. Foi a quarta derrota seguida do Tricolor no Pici. O placar de 3 a 2 retrata um jogo movimentado no Castelão, com diversas interferências do VAR, que validou um gol do Fortaleza que tinha sido anulado - marcado por David - anulou outro do Fortaleza, também anotado por David e confirmou um do São Paulo, de Luciano. Com o resultado, o time de Chamusca fica com 24 pontos em 20 partidas, enquanto o São Paulo subiu para 36 pontos em 18 jogos.

O primeiro tempo começou com o São Paulo ficando mais com a bola e o Fortaleza, escalado com Juninho, Felipe e Ronald no meio-campo, esperando para explorar os contra-ataques. E sem correr riscos defensivos, o Tricolor do Pici abriu o placar, gol de David. O atacante foi lançado por Juninho, que aproveitou falha do zagueiro Diego Costa, ganhou na velocidade e chutou com precisão para fazer 1 a 0. O gol foi marcado aos 11 minutos, mas confirmado apenas aos 15 minutos em função de checagem do VAR.

Após ficar em vantagem, o Fortaleza voltou a ficar bem posicionado defensivamente - Romarinho, David e Bergson ajudavam muito no primeiro combate - e nada permitiu ao São Paulo por 20 minutos. O time paulista, encaixado na marcação, não tinha criatividade e inteligência para tentar o empate, apenas em cruzamentos na área que Paulão afastava com tranquilidade.

Apenas aos 33 minutos o goleiro Felipe Alves tomou um breve susto, em chute de fora da área de Gabriel Sara, que passou perto do travessão. Aos 38 minutos, entretanto, o talento individual de Gabriel Sara fez a diferença. Em cobrança de falta de pé esquerdo, com muito efeito e por fora da barreira, ele empatou a partida. Antes da batida, ele e Daniel Alves disputaram um par ou ímpar para ver quem bateria. Daniel Alves ganhou, mas pela posição da barreira deixou o jovem jogador com a missão.

A primeira chance da segunda etapa foi do São Paulo, logo aos dois minutos. Livre na área para virar o marcador, Brenner foi travado por Carlinhos, que salvou a defesa. O Fortaleza ficaria na frente no placar mais uma vez, gol de David, mas o VAR anulou por falta no início de jogada, quando Bergson puxou o calção do zagueiro Diego Costa.

Na sequência, aos 19 minutos, o São Paulo virou a partida. Vitor Bueno puxou contra-ataque e acertou bom passe para Luciano, que tinha acabado de entrar, marcar de dentro da área: 2 a 1. Precisando do empate, Marcelo Chamusca colocou Marlon e Wellington Paulista, tirando Ronald e Bergson. Três minutos depois, foi justamente WP9 que igualou o placar, aproveitando rebote do goleiro Tiago Volpi após cabeçada de Paulão.

O gol animou o Fortaleza, que passou a pressionar bastante em busca da vitória, ocupando os espaços no seu campo ofensivo, mas foi o São Paulo que novamente obteve vantagem, outro gol de Luciano, um golaço da entrada da área, sem chance para Felipe Alves, aos 37 minutos.


 

TAGS