PUBLICIDADE
Fortaleza Esporte Clube
NOTÍCIA

Presidente do Fortaleza prevê prejuízo de R$ 3 milhões para o mês de abril

Dirigente fez um apelo aos sócios-torcedores para continuarem no programa, maior fonte de renda do clube

Brenno Rebouças
20:04 | 01/04/2020
Marcelo Paz estima um prejuízo do tamanho de uma folha salarial do clube somente para um mês
Marcelo Paz estima um prejuízo do tamanho de uma folha salarial do clube somente para um mês (Foto: Xandy Rodrigues/Divulgação)

A diretoria do Fortaleza aguarda um prejuízo de R$ 3 milhões de reais para o mês de abril. O valor é praticamente correspondente a uma folha mensal do clube. A revelação foi feita pelo presidente Marcelo Paz, em live no Instagram do Tricolor, nesta quarta-feira, 1.

O dirigente levou em conta uma queda brusca nas vendas em lojas oficiais, o não recebimento de cotas de avanço na Copa do Nordeste e as arrecadações de bilheterias no Clássico-Rei da última rodada da segunda fase do Estadual, assim como nos jogos eliminatórios de ambas as competições.

Outro fator que pode prejudicar o time é uma queda no programa de sócios-torcedores, que gera cerca de R$ 1,5 milhão por mês ao Tricolor. Paz disse que até agora não houve perda de receita no programa, mas que acredita que algumas pessoas vão sair por não poder pagar. Ele fez um apelo, porém, a quem puder manter o sócio-torcedor em dia mesmo no período sem jogos.

“Pense no que você pode fazer pelo Fortaleza, pois nesse período difícil a gente não pode perder renda. O clube não pediu pra estar em meio a uma pandemia. E a ideia é que a carga de jogos seja toda entregue. Quanto a Série A (do Brasileiro), só se fala em 38 rodadas”, disse o dirigente.

Com os prejuízos já calculados (e acreditando que o torcedor continuará chegando junto com o programa de sócio-torcedor), o presidente do Leão garante que apenas “chegando em maio é que vamos ter que pensar de novo, buscar soluções criativas, outros tipos de cortes, porque a última coisa que quero é ter que demitir alguém”, enfatizou.