PUBLICIDADE
Fortaleza Esporte Clube
REPERCUSSÃO

Torcida do Fortaleza relata problemas para acesso ao Castelão; Presidente reconhece erro e pede desculpa

Incidentes ocorreram no jogo contra o Athletico-PR, nesta quinta-feira, pela Copa do Brasil

17:03 | 17/05/2019
Jogo desta quarta-feira marcou a estreia da venda de cerveja nos estádios cearenses, após a aprovação da lei.
Jogo desta quarta-feira marcou a estreia da venda de cerveja nos estádios cearenses, após a aprovação da lei. (Foto: Aurélio Alves/O POVO)

O retorno da venda de bebidas alcoólicas no Castelão deveria ter contribuído para diminuir as aglomerações que causam problemas nas entrada do estádio em dias de jogos - alegava-se que o torcedor ficava do lado de fora bebendo e próximo da hora do jogo todo mundo queria entrar junto -, mas na quinta-feira, 16, antes da partida entre Fortaleza e Athletico-PR, pela Copa do Brasil, torcedores voltaram a ter problema para acessar o estádio.

Relatos de poucas entradas abertas, lentidão e empurra-empurra nas filas e até de um tratamento mais ríspido por parte dos policiais que faziam a segurança do jogo repercutiram nas redes sociais. A torcida Leões do Mosaico chegou a lançar uma nota oficial relatando os problemas e reclamando do tratamento oferecido aos torcedores.

O torcedor Felipe Queiroz, que é sócio-torcedor do Fortaleza, relatou ao Esportes O POVO que foi ao jogo com um tio idoso e teve muita dificuldade de entrar no estádio. Ele conta que os policiais seguraram os torcedores do lado de fora por muito tempo, gerando aglomeração.

Em vídeo oficial publicado no site do Fortaleza, na tarde desta sexta-feira, 17, o presidente do clube, Marcelo Paz, reconheceu os problemas e pediu desculpas para a torcida tricolor. “Vimos as reclamações, os erros, todos os problemas e assumimos a responsabilidade por isso. O jogo é um evento nosso. Falamos também com o comandante da Polícia, o major Landim, que nos atendeu muito bem, é um profissional que tem onze anos de experiência em operações de grandes eventos, e ele se disponibilizou a nos ajudar a evoluir. O major prometeu também identificar eventuais excessos por parte da equipe dele. Falamos também com o Governo do Estado sobre as catracas do Castelão, tem muitas danificadas e desde de janeiro que pedimos essa melhoria”, disse o dirigente.

Paz prometeu que para o próximo jogo do Fortaleza em casa os problemas deverão ser amenizados. “A gente tem buscado investir na operação de jogo, no ambiente, fazendo fan fest, trazendo torcedor para entrar mais cedo, tendo produtos oficiais e exclusivos do clube, sempre com diálogo franco e aberto. Houve um erro e cabe a gente melhorar, evoluir, especialmente para o próximo jogo, que será uma final de Copa do Nordeste", disse.

Veja o vídeo com pedido de desculpas do presidente:

Ouça o episódio da semana do Futcast, podcast de futebol do O POVO:

Listen to "#54 - O que falta para Ceará e Fortaleza melhorarem na Série A?" on Spreaker.

Brenno Rebouças