Em reencontro com o Ceará, Clodoaldo dá assistência para gol do FortalezaFortaleza Esporte Clube | Times | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Em reencontro com o Ceará, Clodoaldo dá assistência para gol do Fortaleza

A última vez que Clodoaldo tinha enfrentado o Ceará pelo Fortaleza foi em 31 de março de 2005, no Campeonato Cearense

17:15 | 11/09/2018
NULL
NULL
[FOTO1] 
O reencontro entre Clodoaldo, vestindo a camisa do Fortaleza, e o Ceará durou exatos 37 minutos em partida válida pela Taça Fares Lopes, na noite dessa segunda-feira, 10, no Castelão. Apesar da pouca participação no jogo, o atacante foi decisivo ao dar o passe para o primeiro gol do confronto, que terminou com o triunfo tricolor por 2 a 0. Ídolo do Leão, o baixinho ganhou status de carrasco do maior rival pelo desempenho dentro de campo e pelos gols marcantes. 

Cria da base do Pici, Clodoaldo fez história na equipe em quatro passagens entre 1999 e 2005. Em Clássicos-Rei, o baixinho marcou 18 gols no Ceará. O atacante é um dos maiores ídolos do clube e tem música própria cantada pela torcida tricolor, conhecida como o "Rap do Clodô", que ganhou repercussão nacional.

A última vez que ele tinha enfrentado o Ceará pelo Fortaleza foi em 31 de março de 2005, no Campeonato Cearense. Naquela ocasião, Clodoaldo marcou seu último gol no Alvinegro, em um Clássico-Rei. Na partida dessa segunda pela Fares Lopes, o atleta reviveu o confronto vestindo a camisa do Leão.

Além da assistência, o veterano quase balança as redes de cabeça. Clodoaldo entrou aos 12 minutos do 2º tempo para substituir João Henrique. O baixinho atuou como meia-direita e não teve uma chance clara, de frente para o goleiro, com a bola no chão.

Retorno ao Pici
Ídolo do Fortaleza, Clodoaldo decepcionou os torcedores do time do Pici, quando se transferiu para o maior rival, em 2006. O jogador ainda voltou a vestir a camisa do Alvinegro em 2010. Devido à polêmica saída do Tricolor, Clodô passou 13 anos distante do clube. O responsável pelo retorno dele foi o ex-presidente do Leão, Luiz Eduardo Girão, que concedeu o perdão o atleta, no ano passado.

Já em 2018, sob a gestão do atual presidente Marcelo Paz, Clodoaldo foi inscrito na Taça Fares Lopes para fazer sua despedida do futebol com a camisa do Fortaleza. Em três partidas na competição, o baixinho marcou um gol na estreia em duelo contra o Floresta.

VEJA MAIS: FORTALEZA E A QUEDA DE DESEMPENHO DO SISTEMA DEFENSIVO | NA PRANCHETA #31
[VIDEO1] 
TAGS