PUBLICIDADE
Esportes

Fluminense sai atrás e busca empate no final contra o Volta Redonda

O Fluminense teve uma estreia complicada na edição 2019 do Campeonato Carioca. O Tricolor recebeu o Volta Redonda na noite deste domingo pela primeira rodada do grupo B da Taça Guanabara, e teve de se contentar com um empate em 1 a 1. O Voltaço saiu na frente com João Carlos, de pênalti no primeiro [?]

20:30 | 19/01/2019

O Fluminense teve uma estreia complicada na edição 2019 do Campeonato Carioca. O Tricolor recebeu o Volta Redonda na noite deste domingo pela primeira rodada do grupo B da Taça Guanabara, e teve de se contentar com um empate em 1 a 1.

O Voltaço saiu na frente com João Carlos, de pênalti no primeiro tempo, e teve a chance do segundo em novo pênalti no início do segundo tempo, desperdiçado por Marcelo. Aos 44 minutos do segundo tempo, Ibañez salvou o Flu marcando o gol de empate.

O resultado deixa o Flu empatado com o Volta Redonda na segunda posição do grupo, com 1 ponto. O Vasco, que venceu o Madureira também neste sábado, lidera com 3 pontos. Portuguesa e Americano completam a rodada neste domingo.

Na próxima quinta o Fluminense encara o Americano em Macaé, pela segunda rodada. Já o Voltaço visita o Vasco em São Januário, no dia anterior.

O Jogo ? O reformulado Fluminense entrou em campo para o seu primeiro compromisso ofocial de 2019. A partida marcou também a estreia do técnico Fernando Diniz, conhecido pelo seu estilo de jogo ?Tic Tac?, inspirado no espanhol Pepe Guardiola.

As dificuldades do Tricolor ficaram evidentes assim que a bola rolou no Maracanã. A equipe procurava seguir as instruções do treinador, valorizando a posse de bole e trocando passes desde a defesa, recuando e recomeçando o jogo quando necessário.

Sem a necessária qualidade e entrosamento no passe, o Flu era ameaçado por um Volta Redonda ligado e esperando o erro do adversário para sair rápido no contra-ataque.

A equipe do Sul-Fluminense mostrou seu cartão de visitas aos 15. Daniel perde a bola no meio, Wandinho escapa pela esquerda, entra na área e tenta o cruzamento, mas o goleiro Rodolfo interceptou o lance.

No minuto seguinte, o Flu apareceu no ataque na cobrança de uma falta de frente para a área. Luciano acertou a barreira, e no rebote chutou no meio do gol e Douglas Borges defendeu.

O Tricolor melhorou e ensaiou uma pressão na metade da etapa. Ezequiel avançou pela direita e cruzou rasteiro na área. Everaldo fica com a bola e tenta o chute, mas acerta a zaga. A bola sobra na direita e Ezequiel mata no peito e solta a bomba, mas a marcação consegue chegar e desvia pela linha de fundo.

Aos 35, o primeiro desastre. Everaldo recebe o grande círculo, domina mal e Douglas Lima aparece para roubar a bola e disprarar em direção ao gol. O 10 do Voltaço entra na área e é derrubaro por Rodolfo quando passava pelo goleiro. Pênalti que João Carlos cobrou e colocou o Volta Redonda em vantagem no placar.

O Flu tinha dificuldades em chegar ao gol adversário. Só aos 44, teve uma oportunidade em cobrança de falta. Everaldo roubou bola no ataque e foi derrubado perto da área, pela esquerda. Zé Ricardo cobrou por sobre a barreira, mas a bola foi no meio do gol e Douglas Borges defendeu sem problemas.

Mal a bola rolou no segundo tempo, quase a tragédia se consuma. Nova bobeada na saída de bola, e mais uma vez Douglas Lima disparou. O meia avançou pela direita e fez belo lançamento para Wandinho, que dominou, entrou na área, e foi derrubado por Calazans, que voltava para ajudar na marcação. Pênalti.

Desta vez, porém, Marcelo cobrou mal e mandou a bola pela linha de fundo.

O mesmo Marcelo tentou se redimir aos 12, na cobrança de uma falta entre a área do Flu e a lateral, pelo lado esquerdo. O volante mandou direto e acertou o travessão de Rodolfo.

O Fluminense continuava com dificuldades ofensivas, e o jogo foi ficando dramático para o Tricolor. Aos 18, Everaldo faz boa jogada pela esquerda e rola para trás para Luciano, na entrada da área. O atacante acerta de primeira e a bola passa perto do travessão.

Aos 22, falta no bico da área pela esquerda, e Mascarenhas chuta forte rasteiro. A bola passa por todo mundo e sai pela linha de fundo, bem perto da trave direita.

O empate quase veio aos 29. Luciano dominou na intermediária e lançou Everaldo atrás da zaga, dentro da área. Ele tenta de cabaça e a bola tira tinta do travessão.

No minuto seguinte, Luis Gustavo comete falta vilenta pela direita da defesa do Volta Redonda e leva o segundo amarelo, e é expulso.

A pressão do Flu aumentou, e o time partiu com tudo em busca do gol. Aos 40, pancada de Everaldo no canto direito de Douglas Borges, que fez bela defesa e salvou o Voltaço.

Aos 44, porém, veio o empate. João Pedro recebe na área, abereto pela direita, e solta a bomba para o meio. A zaga tenta cortar e a bola bate no travessão e  volta para o zagueiro Ibañez, que mete o pé e toca para o fundo da rede.

O jogo foi até os 50 minutos e o Flu seguiu pressionando pela virada, mas deixou o campo com o empate na esteria no Carioca.

FICHA TÉCNICA

FLUMINENSE 1 X 1 VOLTA REDONDA

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)

Data: 19 de janeiro de 2019, sábado

Horário: 19h00 (de Brasília)

Renda: R$ 156.416,00

Público: 6.674 (6.192 pagantes)

Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães

Assistentes: Rodrigo Figueiredo Henrique Corrêa e Daniel de Oliveira Alves Pereira

Cartões Amarelos: Rodolfo, Igor Julião (Flu); Luis Gustavo, Bruno Barra, Núbio Flávio (Voltaço)

Cartão Vermelho: Luis Gustavo (Voltaço)

Gols:

FLUMINENSE: Ibañez, aos 44min do 2º tempo

VOLTA REDONDA: João Carlos, aos 36min do 1º tempo

FLUMINENSE: Rodolfo, Ezequiel, Digão (Matheus Ferraz), Ibañez e Mascarenhas; Airton, Zé Ricardo (João Pedro) e Daniel (Igor Julião); Luciano, Everaldo e Marcos Calazans

Técnico: Fernando Diniz

VOLTA REDONDA: Douglas Borges, Luis Gustavo, Daniel Felipe, Heitor e Luiz Paulo; Bruno Barra, Bileu, Marcelo, Douglas Lima (Núbio Flávio) e Wandinho (Gelson); João Carlos (Renan)

Técnico: Toninho Andrade

Gazeta Esportiva

TAGS