Focado na Sul-Americana, Fluminense deve poupar titulares no clássicoFutebol | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Focado na Sul-Americana, Fluminense deve poupar titulares no clássico

O Fluminense teve uma desgastante partida contra o Nacional no Uruguai e ganhou por 1 a 0, garantindo vaga nas semifinais da Copa Sul-Americana. O confronto de ida desta nova etapa será já na próxima semana, quando o time fará uma nova viagem, dessa vez ao Paraná, onde medirá forças com o Atlético-PR. No meio [?]

12:15 | 01/11/2018

O Fluminense teve uma desgastante partida contra o Nacional no Uruguai e ganhou por 1 a 0, garantindo vaga nas semifinais da Copa Sul-Americana. O confronto de ida desta nova etapa será já na próxima semana, quando o time fará uma nova viagem, dessa vez ao Paraná, onde medirá forças com o Atlético-PR. No meio do caminho ainda há o clássico contra o Vasco no próximo sábado, às 17h(de Brasília), no Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ), na abertura da 32ª rodada do Campeonato Brasileiro. O técnico do Fluminense, Marcelo Oliveira, vai preservar alguns titulares ou a grande parte deles neste compromisso.

Com quarenta pontos conquistados no Campeonato Brasileiro, o Fluminense mantém uma distância de seis pontos para a zona de rebaixamento. Isso facilita um pouco a decisão da comissão técnica.

?Vamos analisar a situação dos jogadores e se precisarmos teremos que trocar algumas peças por conta de desgaste. O nosso elenco permite fazer isso? disse Marcelo.

Apesar dessa segurança na decisão de preservar titulares, Marcelo reclamou do calendário.

?Tenho que lamentar que no futebol brasileiro a gente tenha que jogar tanto em tão pouco tempo. Estamos falando de um jogo desgastante no Uruguai, com uma viagem muito desgastante também e no sábado já teremos um clássico contra uma equipe que passou a semana inteira esperando o jogo contra a gente. Este jogo poderia ser no domingo. Um pouco de coerência seria bom para que os jogadores descansassem um pouco?, reclamou Marcelo.

O elenco do Fluminense retornou nesta quinta-feira ao Brasil e os jogadores foram liberados em seguida. Nesta sexta-feira pela manhã Marcelo Oliveira volta a reunir os atletas para decidir qual a escalação que realmente vai utilizar no clássico. Um dos preservados com certeza será o zagueiro Gum, que jogou no Uruguai na base do sacrifício por conta de uma entorse no joelho e no tornozelo direito sofrida ainda na partida de ida contra o Nacional. Após a atividade desta sexta-feira começa o período de concentração para o duelo contra o Vasco, que tem 35 pontos e está a apenas um da zona de rebaixamento, aberta pela Chapecoense.

Gazeta Esportiva

TAGS