Fluminense enfrenta Nacional no Uruguai em busca da semifinal da Sul-AmericanaFutebol | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Fluminense enfrenta Nacional no Uruguai em busca da semifinal da Sul-Americana

O Fluminense busca a classificação para as semifinais da Copa Sul-Americana nesta quarta-feira, às 19h30 (de Brasília), quando visita o Nacional do Uruguai no Estádio Parque Central, em Montevidéu, pelo confronto de volta das quartas de final. O duelo de ida, no Rio de Janeiro, terminou empatado em 1 a 1 e quem ganhar agora [?]

20:15 | 30/10/2018

O Fluminense busca a classificação para as semifinais da Copa Sul-Americana nesta quarta-feira, às 19h30 (de Brasília), quando visita o Nacional do Uruguai no Estádio Parque Central, em Montevidéu, pelo confronto de volta das quartas de final. O duelo de ida, no Rio de Janeiro, terminou empatado em 1 a 1 e quem ganhar agora vai avançar, sendo que nova igualdade por um gol forçará a disputa de pênaltis.

Por conta do critério de desempate dos gols marcados como visitante, o Nacional avança em caso de empate sem gols, enquanto que igualdade a partir de 2 a 2 serve aos brasileiros. A tarefa do Tricolor, porém, é muito ingrata, pois o time uruguaio disputou sete partidas em casa este ano por torneios continentais, ganhou seis, empatou um por 0 a 0 e e não sofreu gols. Logo, se o retrospecto se repetir, vai avançar.

?Sabemos que será um jogo muito complicado, principalmente pela infelicidade de termos sofrido o gol no fim no jogo de ida. Mas precisamos buscar a vitória e temos condições de fazermos uma grande partida. Neste jogo acredito que nosso adversário, empurrado pela torcida, vai sair um pouco mais em busca da vitória e isso pode dar espaços para o nosso estilo?, disse o técnico Marcelo Oliveira.

Os jogadores do Fluminense apelam para o poder de concentração. ?Temos que manter a concentração ao longo dos noventa minutos, pois pagamos um preço caro por um descuido no duelo de ida. Além disso, lá a partida é ainda mais complicada, com clima de hostilidade por parte das pessoas envolvidas?, disse o volante Jadson.

Em termos de escalação o Fluminense terá o zagueiro Gum, recuperado de uma pequena entorse no joelho direito, e com o lateral-direito Leo, desfalque na ida por conta de um edema na coxa direita. O primeiro joga normalmente, enquanto que o segundo disputa posição com Matheus Alessandro por ainda estar sem ritmo de jogo.

O Nacional, que briga pela liderança do Campeonato Uruguaio, tem no técnico Alexander Medina o reflexo da sua filosofia em campo. O treinador cobra sempre muita personalidade de seus comandados.

?Jogando em casa nós podemos nos impor sempre e por isso mesmo quero ver meu time com personalidade, pressionando o Fluminense e não permitindo que eles possam impor seu ritmo?, disse o treinador.

Alexander Medina tem uma dúvida de ordem tática no meio-de-campo, que pode representar a única alteração em relação ao jogo de ida. Carlos De Peña pode ser barrado para a entrada de Sebastián Fernández, que tornaria o time mais agressivo.

Quem avançar deste duelo vai enfrentar nas semifinais o vitorioso do embate entre Atlético-PR e Bahia, que também jogam nesta quarta-feira no Paraná. Na ida, no Nordeste, o Furacão ganhou por 1 a 0 e encaminhou a classificação.

FICHA TÉCNICA

NACIONAL-URU X FLUMINENSE-BRA

Local: Estádio Parque Central, em Montevidéu (Uruguai)

Data: 31 de outubro de 2018 (Quarta-feira)

Horário: 19h30 (de Brasília)

Árbitro: Roberto Tobar (Chile)

Assistentes: Christian Schiemann (Chile) e Claudio Rios (Chile)

NACIONAL: Esteban Conde, Jorge Fucile, Rafael García, Alexis Rolín e Luis Espiño; Matías Zunino, Santiago Romero, Christian Oliva e Carlos De Peña (Sebastián Fernández); Gonzalo Castro e Gonzalo Bergessio

Técnico: Alexander Medina

FLUMINENSE: Júlio César, Gum, Digão e Ibañez; Leo (Matheus Alessandro), Richard, Jadson, Júnior Sornoza e Ayrton Lucas; Everaldo e Luciano

Técnico: Marcelo Oliveira

Gazeta Esportiva