Abel detona árbitro: ?Ele é horroroso e prepotente?Futebol | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Abel detona árbitro: ?Ele é horroroso e prepotente?

O técnico Abel Braga ficou revoltado com a arbitragem do árbitro Rodolpho Toski e disse que não foi a primeira vez que ele prejudicou o Fluminense. Na entrevista coletiva, o treinador do Tricolor das Laranjeiras disse que o juiz já tinha errado contra a sua equipe no Campeonato Brasileiro do ano passado. Abel disse que [?]

20:15 | 29/04/2018

O técnico Abel Braga ficou revoltado com a arbitragem do árbitro Rodolpho Toski e disse que não foi a primeira vez que ele prejudicou o Fluminense. Na entrevista coletiva, o treinador do Tricolor das Laranjeiras disse que o juiz já tinha errado contra a sua equipe no Campeonato Brasileiro do ano passado.

Abel disse que o árbitro deixou de marcar um pênalti claro cometido pelo zagueiro Arboleda e cometeu outras falhas: ?Eu não gosto dele. Ele é horroroso e prepotente?, disparou o treinador.

O técnico do Flu revelou que em dois momentos do jogo, ele viu o árbitro levar o apito na boca para interromper o jogo, mas que desistiu quando a bola foi dominada por um jogador do São Paulo: ?Estou contando isso porque quando ele vier a próxima vez, eu vou ficar caladinho, mas eu sei que ele vai prejudicar meu time?, afirmou o treinador.

O técnico do Fluminense também encontrou tempo para elogiar a atuação da sua equipe, principalmente pela luta para conseguir o empate, depois de ter saído em desvantagem: ?Merecíamos a vitória. A equipe manteve a ofensividade e jogou o São Paulo lá para trás?, analisou Abel.

Abelão justificou a atuação apagada de Ayrton Lucas que vinha sendo o destaque da equipe. O treinador afirmou que Aguirre colocou o Militão com o Régis para dobrar a marcação e impediu que Ayrton conseguisse se destacar.

O comandante do Tricolor das Laranjeiras também justificou a entrada de Matheus Alessandro e Robinho que não vinham sendo aproveitados nas últimas partidas, mas que estavam se destacando nos treinamentos: ?Nas duas últimas semanas ganhei dois jogadores que estavam em baixa. E eu não quero nem saber. Quem estiver melhor, vai sempre jogar

 

Gazeta Esportiva

TAGS