PUBLICIDADE
Esportes

Voltando de empréstimo, Wellington Silva será aproveitado no Flu

A diretoria do Fluminense segue trabalhando na formação do elenco para a próxima temporada e a situação de alguns jogadores emprestados pelo clube devem ser definidas esta semana. O lateral-direito Wellington Silva, por exemplo, será informado que está nos planos da comissão técnica para 2018. Emprestado ao Bahia em 2017, ele teve um ano ruim [?]

12:15 | 11/12/2017

A diretoria do Fluminense segue trabalhando na formação do elenco para a próxima temporada e a situação de alguns jogadores emprestados pelo clube devem ser definidas esta semana. O lateral-direito Wellington Silva, por exemplo, será informado que está nos planos da comissão técnica para 2018. Emprestado ao Bahia em 2017, ele teve um ano ruim por conta do excesso de lesões. Mas está totalmente recuperado e conta com a confiança do técnico Abel Braga.

Wellington Silva trabalhou com Abel Braga no Fluminense entre os anos de 2012 e 2013. Depois, quando foi trabalhar no Internacional, o treinador indicou a contratação do lateral. Agora, Wellington Silva é visto como um jogador experiente e que pode somar a um grupo formado na maioria por jovens revelados nas categorias de base.

Outro fator que pesa para o aproveitamento de Wellington Silva, que tem contrato até dezembro de 2018, é a carência na lateral direita. Lucas foi devolvido ao Palmeiras e, embora esteja nos planos, não existe nenhum acordo para a prorrogação do empréstimo. O Verdão, inclusive, tem sondagens pelo jogador, que pode ser usado como moeda de troca. Renato, reserva de Lucas, está com a transferência para o Goiás muito bem encaminhada.

Se Wellington Silva está mais perto, o volante Edson não deve retornar. O Bahia está conseguindo convencer o Fluminense a prorrogar o empréstimo. Os clubes estudam como será feito este processo.

A expectativa da diretoria do Fluminense é ter a maioria do elenco formada em 3 de janeiro, data da reapresentação do plantel. Após a reapresentação, os jogadores farão exames médicos no clube e treinos por seis dias, embarcando depois para os Estados Unidos, onde participam da Copa Flórida, competição amistosa que já virou tradição no futebol norte-americana.

Por essa disputa o Tricolor encara o PSV, da Holanda, em 12 de janeiro e o Barcelona de Guaiaquil, do Equador, no dia 15. As partidas farão parte da preparação para a disputa do Campeonato Carioca e da Copa do Brasil, as primeiras competições do Fluminense na próxima temporada. A estreia no Estadual está marcada para o dia 18 de janeiro, diante do Boavista, no Estádio Eucyr Resende, em Saquarema (RJ).

Gazeta Esportiva

TAGS