PUBLICIDADE
Esportes

Mano destaca organização do Cruzeiro e valoriza pontos fora de casa

Neste domingo, o Cruzeiro deu mostras de que o início ruim no Campeonato Brasileiro faz parte do passado, principalmente quando se tratam de jogos como visitantes. No Pacaembu, os comandados de Mano Menezes conseguiram se impor diante do Santos, criar ótimas chances, vencer por 1 a 0 e dar fim ao jejum de triunfos jogando [?]

20:45 | 27/05/2018

Neste domingo, o Cruzeiro deu mostras de que o início ruim no Campeonato Brasileiro faz parte do passado, principalmente quando se tratam de jogos como visitantes. No Pacaembu, os comandados de Mano Menezes conseguiram se impor diante do Santos, criar ótimas chances, vencer por 1 a 0 e dar fim ao jejum de triunfos jogando como visitante.

Após a vitória, o treinador fez questão de valorizar a postura do time e admitiu que seus jogadores souberam utilizar o momento ruim dos adversários como termômetro para controlar a partida. Depois de um primeiro tempo equilibrado, os cruzeirenses tiveram amplo controle da partida na segunda etapa e correram poucos riscos defensivamente.

?A equipe se comportou bem. Não fizemos um jogo brilhante no primeiro tempo, porque tivemos alguns erros técnicos. Porém, em nenhum momento perdemos a organização?, disse Mano. ?Para vencer fora de casa, neste Brasileiro, a gente precisa ter persistência, mesmo quando as coisas não estão bem. O grupo foi competente, fizemos o que era preciso e fomos premiados?, ressaltou.

A questão de vencer atuando longe de Minas Gerais era algo que vinha incomodando os jogadores e a comissão técnica cruzeirense. Em três partidas fora de casa, haviam sido duas derrotas e um empate. Entretanto, o jejum faz parte do passado e, com os três pontos, a Raposa embolou no grupo dos 10 pontos.

?Você precisa pontuar fora de casa. Ficamos um pouco para trás por conta de algumas escolhas e os três pontos fora de casa terão de fazer parte da nossa rotina. Sabemos da dificuldade de vencer o Santos aqui, mesmo com a situação que estão passando, sem muito apoio da torcida. Mas é o Santos e possuem jogadores jovens e confiantes. O momento era propício para conseguir vencer aqui e aproveitamos?, concluiu Mano Menezes.

Gazeta Esportiva

TAGS