PUBLICIDADE
Esportes

Reapresentação do Corinthians tem Boselli, Romero e Manoel no campo

Sem tempo a perder, o Corinthians voltou ao trabalho na manhã dessa segunda-feira. Depois do empate em casa com o São Caetano, este arrancado aos 50 minutos do segundo tempo, a missão agora está agendada para quarta-feira, contra o Guarani, no Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas. Dos titulares na Arena, apenas André Luis [?]

11:15 | 21/01/2019

Sem tempo a perder, o Corinthians voltou ao trabalho na manhã dessa segunda-feira. Depois do empate em casa com o São Caetano, este arrancado aos 50 minutos do segundo tempo, a missão agora está agendada para quarta-feira, contra o Guarani, no Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas.

Dos titulares na Arena, apenas André Luis foi campo por ter jogado apenas o primeiro tempo. Pedrinho, Mateus Vital e Gustavo Mosquito, apostas de Carille na etapa final, também reforçaram o treino dos suplentes no gramado do CT Joaquim Grava.

A exceção de André Luis, os titulares fizeram apenas o tradicional trabalho regenerativo. O técnico corintiano, então, aproveitou para observar suas outras opções em um mini-coletivo em campo reduzido.

Mauro Boselli jogou ao lado de André Luis. A dupla, aparentemente, se entendeu bem e terminou a atividade com um gol cada. Primeiro, o ponta deu assistência ao argentino, que na sequência retribuiu da mesma forma.

O treino, debaixo de sol forte, contou com a presença de Gabriel. Foi a primeira atividade com bola do volante em 2019. Até então, o jogador vinha tratando de dores no tendão do tornozelo.

Manoel também estreou no campo do CT desde que chegou do Cruzeiro. Aliás, ao fim do trabalho, o zagueiro correu em volta do campo para acelerar sua recuperação. Manoel sofreu de catapora e perdeu dias de treino na pré-temporada por isso.

Romero, afastado dos jogos por causa da falta de um acordo para renovação de seu contrato, dessa vez não ficou à parte e participou de tudo junto ao grupo.

O paraguaio, inclusive, fez companhia a Boselli depois que todos deixaram o gramado para um treino específico de finalização.

Ralf e Díaz deram as caras, mas ainda não tocaram na bola. A dupla está em fase de transição física. Ralf se recupera de dores na coxa direita e Díaz do mesmo problema no joelho direito.

Renê Júnior, em tratamento de sua cirurgia no joelho esquerdo, foi acompanhado pelo preparador físico Anselmo Sbragia e ficou no campo anexo realizando atividades específicas. A expectativa é de que o jogador faça trabalhos mais fortes e com bola em março.

Quem não jogou domingo e não foi a campo nessa segunda-feira foi Clayson. O ponta ainda não se livrou de dores no tornozelo direito e segue em tratamento.

Fábio Carille já avisou que deve repetir a escalação da estreia para a segunda rodada do Campeonato Paulista e, só a partir daí, começar a rodar o elenco. Nessa terça, o treino está marcado para o período da tarde e deve contar com o grupo completo.

Gazeta Esportiva

TAGS