PUBLICIDADE
Esportes

Diretor do Corinthians pede calma por Arana e fala em ?conversas? por compra

O Corinthians espera concluir o retorno de Guilherme Arana para o clube que o revelou para o futebol, mas não quer criar muitas expectativas para a torcida. De acordo com o diretor de futebol Duílio Monteiro Alves, a negociação tem evoluído de maneira satisfatória, mas não é possível dizer que ele está perto do Corinthians. [?]

20:30 | 20/01/2019

O Corinthians espera concluir o retorno de Guilherme Arana para o clube que o revelou para o futebol, mas não quer criar muitas expectativas para a torcida. De acordo com o diretor de futebol Duílio Monteiro Alves, a negociação tem evoluído de maneira satisfatória, mas não é possível dizer que ele está perto do Corinthians. O Sevilla, dono dos seus direitos econômicos, só aceita negociá-lo com o Timão em caso de venda.

?Arana a gente sabe da possibilidade do Sevilla. E uma negociação com um valor alto, mas a gente não perder a esperança. Complicada, faltam alguns passos ainda. Tivemos algumas conversas, vamos ver o formato que eles querem fazer?, explicou Duílio, ressaltando que clubes europeus ainda podem entrar no negócio. A janela de transferências europeia está aberta até o dia 31.

?Esperamos que dê certo, mas é difícil. Ele saiu por valores muito altos, a janela está aberta na Europa. Temos que ter muito cuidado para não gerar a expectativa na torcida?, disse o diretor. De acordo com o que apurou a Gazeta Esportiva, a venda é a única alternativa de negociação também para clubes europeus já que Arana não quer ficar ?pingando? em clubes pequenos do Velho Continente.

O Corinthians, porém, segue otimista que conseguirá repatriar o jogador revelado em suas categorias de base. Mas, as negociações não serão simples, tampouco estão próximos de um desfecho.

O fato complicador que os dirigentes corintianos terão de superar diz respeito a maneira como os cartolas gringos estão negociando.

Um representante do grupo que gerencia a carreira de Guilherme Arana está na cidade de Sevilla intermediando as conversas. O Timão segue vivo na briga e conta com sua ligação umbilical com o jogador para ter sucesso ao fim de tudo.

Gazeta Esportiva

TAGS