PUBLICIDADE
Esportes

Duílio comenta sobre saídas, reforços e garante Corinthians ?forte?

O mercado agitado do Corinthians no período entre e após Copa do Mundo tem causado muita preocupação para os torcedores do Corinthians, muito mais pelas saídas, como as de Rodriguinho e Balbuena, que pelas opções contratadas para Osmar Loss. Entretanto, ao menos para a diretoria alvinegra, o discurso é de ?paciência? para as adaptações, mas [?]

12:45 | 26/07/2018

O mercado agitado do Corinthians no período entre e após Copa do Mundo tem causado muita preocupação para os torcedores do Corinthians, muito mais pelas saídas, como as de Rodriguinho e Balbuena, que pelas opções contratadas para Osmar Loss. Entretanto, ao menos para a diretoria alvinegra, o discurso é de ?paciência? para as adaptações, mas acima de tudo de manutenção na briga por títulos.

Em entrevista concedida à ESPN, o diretor de futebol Duílio Monteiro Alves entoou o discurso de que não há desmanche e os negócios que culminaram na perda de peças importantes foram bons para o Timão em âmbito geral, não apenas na parte financeira. Inclusive, o mercado do clube não está estagnado e o dirigente confirmou o acerto iminente com o atacante paraguaio Sergio Díaz.

?No futebol não se pode cravar nada antes de ter todos os contratos assinados. A gente toma muito cuidado com isso. O Sérgio Díaz já está no Brasil realizando exames médicos e esperamos que até o fim do dia de hoje ou no mais tardar amanhã se tenha um desfecho. Mas imagino que dê tudo certo para ele e para o Corinthians?, disse Duílio.

Apesar das contratações e das peças de reposição contratadas recentemente, as vendas ainda são constantemente um tema de questionamento pelos lados corintianos. De acordo com o diretor, as saídas de jogadores como Balbuena e Rodriguinho eram esperadas e foram firmadas também com base na vontade dos próprios atletas de deixar o clube.

?A gente tem como filosofia querer ter no elenco jogadores que estejam comprometidos e tenham vontade de ficar no Corinthians. Claro que a proposta tem que ser boa para ambas as partes, mas é essa a linha que eu e o presidente seguimos, de contar com jogadores satisfeitos e felizes aqui?, ressaltou.

?O caso do Rodriguinho tem que entender que é um jogador de 30 anos, com uma proposta salarial muito alta. A gente entendeu que pelo tempo de contrato, a idade, a vontade de sair, pelas conquistas era uma venda que seria boa de fazer. O Balbuena, especificamente, tivemos muita negociação para conseguir renovar o contrato dele. Para não perder de graça acabamos aceitando uma multa rescisória mais baixa?, explicou Duílio.

Mesmo diante das muitas movimentações, o dirigente enfatizou que o Corinthians irá disputar as três competições que restam (Campeonato Brasileiro, Copa do Brasil e Libertadores) buscando o título em todas. Além disso, ressaltou o trabalho incessante do clube para estar atento à reforços e ?oportunidades de mercado?.

?Posso dizer para torcida que fique tranquila, poia a gente tem trabalhado bastante para repor jogadores, como foi reposta a comissão técnica. Claro que precisa ter um pouco de paciência pelas mudanças e isso demanda um tempo de adaptação, mas o Corinthians vai jogar os três campeonatos para vencer. Buscamos mais um título nesse ano?, finalizou o diretor de futebol alvinegro.

Gazeta Esportiva

TAGS