PUBLICIDADE
Esportes

Corinthians tenta esquecer recesso do Brasileiro para dar vitória a Loss

O recesso do Campeonato Brasileiro para a realização da Copa do Mundo é considerado fundamental para o Corinthians se ajustar sob o comando de Osmar Loss. No período sem jogos oficiais, o sucessor de Fábio Carille enfim terá tempo para trabalhar e condicionar atletas que estão em processo de recuperação de lesões, como os volantes [?]

08:30 | 12/06/2018

O recesso do Campeonato Brasileiro para a realização da Copa do Mundo é considerado fundamental para o Corinthians se ajustar sob o comando de Osmar Loss. No período sem jogos oficiais, o sucessor de Fábio Carille enfim terá tempo para trabalhar e condicionar atletas que estão em processo de recuperação de lesões, como os volantes Ralf e Renê Júnior, o meia Jadson e o atacante Clayson. Ainda há, contudo, um compromisso a cumprir.

?A coisa mais importante agora não é a parada, mas o jogo contra o Bahia?, alertou o volante Gabriel, referindo-se à partida da noite de quarta-feira, na Fonte Nova. ?Pela situação em que nos encontramos, só devemos pensar em descansar mentalmente e fisicamente depois disso. Não dá para pensar na folga agora?, complementou.

De fato, o Corinthians está pressionado. Com Osmar Loss, o time só conquistou uma vitória até então, um magro 1 a 0 sobre o América-MG, após derrotas para o Internacional (2 a 1) e o Millonarios-COL (1 a 0). Nos últimos jogos, perdeu para o Flamengo (1 a 0) e não passou de frustrantes igualdades em casa com o Santos (1 a 1) e o Vitória (0 a 0).

?O jogo contra o Bahia é primordial para acabarmos com essa série negativa, dando um salto na tabela?, conscientizou-se Gabriel, que aceita as cobranças dos torcedores. ?É normal. Nos últimos 10 anos, o Corinthians se tornou o maior campeão do Brasil. Quando fica alguns jogos sem ganhar, vão perguntar o que está acontecendo. Vamos seguir com tranquilidade. O time está um pouco ansioso, até por querer ajudar o Loss, e acaba tomando decisões precipitadas?, constatou.

Publicamente, Osmar Loss tem recebido bastante apoio dos seus comandados, por quem é visto como um técnico mais explosivo do que Fábio Carille. ?Mas isso é uma característica dele, e não um defeito. Ele é muito competente. Sabemos que dará certo?, confiou Gabriel.

Loss precisa começar a vingar rapidamente. O período ruim sob a sua direção fez o Corinthians despencar para a nona colocação do Campeonato Brasileiro, com 16 pontos ganhos, 10 atrás do líder Flamengo. Gabriel é um dos que ainda acreditam na conquista do título. Para tanto, espera vencer o Bahia e usufruir ao máximo do recesso do Brasileiro, quando o elenco terá 10 dias de folga e disputará amistosos contra Grêmio e Cruzeiro.

Gazeta Esportiva

TAGS