PUBLICIDADE
Esportes

Rodriguinho lamenta falta de efetividade do Corinthians: ?Dava para ganhar?

Melhor jogador do Corinthians no clássico contra o Santos, na noite deste domingo, no estádio do Pacaembu, pela décima rodada do Campeonato Paulista, o meia Rodriguinho não considerou justo o empate da equipe com o rival. Na avaliação do camisa 26, faltou ao Corinthians mais efetividade na hora de definir as jogadas, principalmente no segundo [?]

21:30 | 04/03/2018

Melhor jogador do Corinthians no clássico contra o Santos, na noite deste domingo, no estádio do Pacaembu, pela décima rodada do Campeonato Paulista, o meia Rodriguinho não considerou justo o empate da equipe com o rival. Na avaliação do camisa 26, faltou ao Corinthians mais efetividade na hora de definir as jogadas, principalmente no segundo tempo, antes de o Peixe conseguir igualar o marcador e incendiar o clima da torcida.

?Na minha opinião, dava para ganhar, não soubemos aproveitar as oportunidades no segundo tempo, não fomos precisos na hora de matar o jogo. O Santos proporcionou oportunidades para a gente. Aí eles buscaram e foram felizes de empatar o jogo?, comentou o jogador alvinegro, que quase anotou o segundo em sobra de bola após escanteio, mas parou em grande defesa de Vanderlei.

?Foi ótima a defesa, quase que eu fui cumprimentá-lo. Só não fui porque seria gol meu?, continuou o corintiano, que teve opinião semelhante à do zagueiro Balbuena. ?Quando cria esse número de chances, precisa matar o jogo. Como o Rodriguinho falou, o empate foi praticamente uma derrota para nós?, avaliou o paraguaio.


Assim como os seus atletas, o técnico Fábio Carille também reclamou da dificuldade encontrada pelo Corinthians em fazer suas boas chances de gol tornarem-se número no placar. Para ele, no entanto, há de se valorizar a intensidade encontrada pelos corintianos em campo.


?Nosso primeiro tempo foi melhor, nos primeiros minutos do segundo o Santos foi melhor. Depois (do apagão) equilibramos, não conseguimos finalizar com o Jadson, Rodriguinho, Dutra. Depois fomos penalizados. Mas gostei muito do nível do jogo, a forma como respondemos, gostei bastante?, concluiu.

Gazeta Esportiva

TAGS