PUBLICIDADE
Esportes

Gabriel surpreende colegas de clube com golaço raro na carreira

Gabriel foi bastante festejado por seus colegas de Corinthians ao final da vitória por 2 a 0 sobre o Botafogo-SP, neste domingo, em Ribeirão Preto. Não era para menos. Mais acostumado a marcar, o volante anotou um belo gol aos 39 minutos do segundo tempo, encobrindo o goleiro Tiago Cardoso após lançamento primoroso do atacante [?]

19:30 | 11/03/2018

Gabriel foi bastante festejado por seus colegas de Corinthians ao final da vitória por 2 a 0 sobre o Botafogo-SP, neste domingo, em Ribeirão Preto. Não era para menos. Mais acostumado a marcar, o volante anotou um belo gol aos 39 minutos do segundo tempo, encobrindo o goleiro Tiago Cardoso após lançamento primoroso do atacante Pedrinho.

?Ele estava adiantado. Aí, acertei um belo chute e pude fazer o gol?, narrou Gabriel, sorridente, que só havia balançado as redes como corintiano em outras duas ocasiões, no ano passado ? em vitórias por 2 a 0 sobre o Luverdense, pela Copa do Brasil, e por 3 a 2 em cima do São Paulo, pelo Campeonato Brasileiro.

Por não ser artilheiro, Gabriel ouviu algumas brincadeiras de Fabinho, ex-jogador do Corinthians e hoje membro da comissão técnica, e do centroavante inglês naturalizado turco Kazim quando se dirigia ao vestiário.

?O Fabinho também foi volante e me ajuda muito no dia a dia. Era outro que não fazia muitos gols. Ficou feliz por mim e mais ainda pela vitória?, comentou Gabriel. ?O Kazim participou do lance (tocou a bola para Pedrinho logo após substituir o atacante Emerson Sheik) e entrou bem na partida. A equipe toda está de parabéns. Fico muito feliz por fecharmos bem a primeira fase?, discursou.

O Corinthians encerrou a etapa de grupos do Campeonato Paulista na segunda colocação geral, atrás apenas do rival Palmeiras, e enfrentará o Bragantino nas quartas de final. Antes, na quarta-feira à noite, irá a Itaquera para disputar a segunda rodada da sua chave na Copa Libertadores da América contra o Deportivo Lara, da Venezuela.

?Fico feliz pelo jogo e pela vitória hoje, além do gol. Agora, vamos trabalhar porque já teremos Libertadores na quarta-feira?, projetou Gabriel.

Gazeta Esportiva

TAGS