PUBLICIDADE
Esportes

Carille admite busca por Ralf e faz elogios ao volante

Em meio a reclamações pelo desempenho da equipe e por perguntas dos jornalistas após a derrota por 2 a 1 para o Santo André, na noite desta sexta-feira, no Bruno José Daniel, o técnico Fábio Carille reconheceu que o volante Ralf pode chegar ao Corinthians nos próximos dias. Negando ter indicado o atleta, ele reconheceu [?]

21:30 | 09/02/2018

Em meio a reclamações pelo desempenho da equipe e por perguntas dos jornalistas após a derrota por 2 a 1 para o Santo André, na noite desta sexta-feira, no Bruno José Daniel, o técnico Fábio Carille reconheceu que o volante Ralf pode chegar ao Corinthians nos próximos dias. Negando ter indicado o atleta, ele reconheceu que o meio-campista seria uma adição importante ao seu atual elenco.

?Olha, não indiquei ninguém. Foi um nome tratado pela diretoria?, rebateu o comandante ao ser questionado se era ele quem tinha levado a ideia de adquirir o marcador para essa temporada. Pouco depois, porém, em tom muito elogioso, reconheceu que o antigo camisa 5 está na pauta do Timão.

?Jogador experiente, 33 anos, sei das competições difíceis que vamos encontrar, sei que preciso encorpar o meu time para competições difíceis, é um nome que começou a ser falado hoje, vamos ver o que vai acontecer?, continuou o treinador, fã confesso do futebol do atleta.

Negociado com o Beijing Guoan, da China, em 2016, Ralf ficou sem contrato em dezembro e está livre no mercado desde então. Outrora reticente por acreditar que o jogador não viria para ser reserva, a diretoria abriu a possibilidade de contar com ele ao constatar que ele era uma ?oportunidade de mercado?, termo utilizado pelo próprio Carille para designar quem podia ser contratado ainda neste primeiro semestre.

A busca inicial, como sempre se noticiou, é por um centroavante, mas o novo camisa 9 dificilmente chegará antes da Copa do Mundo. A diretoria acredita que, depois do Mundial, um leque maior de possibilidades se abrirá, além de considerar o atual elenco bom o suficiente para passar da fase de grupos no torneio continental.

Campeão paulista, da Libertadores, da Recopa, do Mundial e bi do Brasileiro pelo Timão, Ralf seria uma opção de maior estatura no meio-campo, algo que falta no atual elenco. Além de Gabriel, a sua posição tem como nomes mais marcadores Paulo Roberto e Renê Júnior. Maycon, que pode sair para o Shakhtar-UCR, e Camacho atuam mais adiantados.

Gazeta Esportiva

TAGS