PUBLICIDADE
Esportes

Corintiano Kazim diz que fez o gol mais importante da carreira

O centroavante Kazim findou um longo jejum em grande estilo na tarde deste sábado. Autor do único gol da vitória do Corinthians sobre o Avaí pelo Campeonato Brasileiro, o estrangeiro de 31 anos de idade classificou tento anotado no estádio de Itaquera como o mais importante de sua carreira. No segundo tempo, com Jadson como [?]

22:15 | 11/11/2017

O centroavante Kazim findou um longo jejum em grande estilo na tarde deste sábado. Autor do único gol da vitória do Corinthians sobre o Avaí pelo Campeonato Brasileiro, o estrangeiro de 31 anos de idade classificou tento anotado no estádio de Itaquera como o mais importante de sua carreira.

No segundo tempo, com Jadson como um maestro, o Corinthians rodou a bola na frente até que Guilherme Arana cruzou para Kazim, de peito, desviar ao gol e abrir o placar. O centroavante não marcava desde o dia 18 de fevereiro, quando anotou diante do Audax, ainda no Campeonato Paulista.

?Acho que não joguei tão bem quanto contra o Atlético-GO, mas fiz o gol. Fico feliz, porque esse tempo sem jogar é muito chato?, disse, citando o que considera seu mais valioso tento. ?Não ganhamos nada ainda. Precisamos focar nesses últimos quatro jogos, vamos treinar bem segunda?, acrescentou.

Kazim ganhou a chance de ser titular contra o Avaí no lugar de Jô, punido com uma partida de suspensão pelo lance com o ponte-pretano Rodrigo. Após findar o próprio jejum, ele falou com respeito sobre o dono da posição, vice-artilheiro do Campeonato Brasileiro com 16 gols.

?Olha, eu não trabalho com as críticas. A torcida é muito apaixonada, não fico nervoso por isso. Jô está sendo incrível esse ano, mano. Ele tem o quê? 15, 16 gols. Não posso pedir para o Carille para jogar. Porque nós somos líderes?, afirmou o herói do triunfo deste sábado.

Questionado sobre a possibilidade de deixar o Corinthians ao final da temporada, Kazim preferiu apenas curtir a atmosfera da arena de Itaquera. ?Não sei (sobre a chance de sair), mano. Eu não trabalho na diretoria. Essa pergunta é muito chata. Eles gritando: campeão. Fico arrepiado. Incrível?, afirmou.

O Corinthians tem 68 pontos, 11 a mais do que o Grêmio, segundo colocado, com um jogo a menos. Caso os gremistas não vençam ou Vitória, neste domingo, ou São Paulo, na quarta-feira, o Alvinegro precisará de apenas mais uma vitória para ser campeão. Às 21h45 (de Brasília) desta quarta, em Itaquera, o time recebe o Fluminense.

Gazeta Esportiva

TAGS