PUBLICIDADE
Cearenses
NOTÍCIA

Zé Teodoro não é mais o técnico do Ferroviário; Anderson Batatais assume

A saída do técnico antigo e a chegada do novo treinador foram anunciadas na mesma notícia, divulgada na tarde desta segunda-feira pelo Ferroviário.

Bruno Balacó
16:05 | 13/01/2020
Anderson Batatais chegou ao clube nesta segunda-feira e já foi apresentado ao elenco
Anderson Batatais chegou ao clube nesta segunda-feira e já foi apresentado ao elenco (Foto: Lenílson Santos/Ferroviário)

O Ferroviário começou a semana com um novo comandante. Anderson Batatais assumiu como treinador da equipe. A informação pegou muita gente de surpresa, porque o clube coral não chegou a se pronunciar de forma pública sobre a saída de Zé Teodoro, trazendo essa notícia apenas na postagem de seu site oficial – compartilhada também nas redes sociais do time - divulgada na tarde desta segunda-feira, 13, informando a chegada do novo técnico, que já se apresentou e conduziu as atividades na reapresentação realizada no período da tarde, na Vila Olímpica Elzir Cabral. 

Segundo a postagem, a decisão pela saída de Zé Teodoro foi tomada na manhã desta segunda-feira, pelo departamento de futebol do clube, em reunião de diretoria, que, por sua vez “agradece todo o empenho e profissionalismo do, agora, seu ex-treinador”.

Zé Teodoro deixa o Tubarão da Barra um dia após o empate em 1 a 1 com o Caucaia, no estádio Raimundo Oliveira, pela 3ª rodada do Campeonato Cerense. Em 2020, ele só treinou o time em três jogos, somando dois empates em uma derrota. Ainda sem vencer e com apenas dois pontos somados, o Ferroviário é o 5º colocado do Estadual e tem sete pontos a menos que o líder Barbalha. No geral, somou seis jogos em sua passagem pelo clube, já que esteve à frente também nos três jogos finais que o Ferrão disputou na Fares Lopes do ano passado, somando uma vitória e dois empates. O resultados não foram suficientes para classificar o time, que foi eliminado na primeira fase do torneio local. 

Desde a saída de Marcelo Vilar (que treinou o clube por duas temporadas), em junho do ano passado, o Ferroviário teve três treinadores com passagens curtas e sem êxito pelo clube. Sucessor de Vilar, Leandro Campos ficou apenas cinco jogos no comando, com retrospecto de uma vitória, um empate e três derrotas (seguidas). Na sequência, Marcelo Veiga assumiu como treinador e ficou e também ficou menos de dois meses no cargo. Ao todo, foram apenas nove jogos. No período, foram duas vitórias, quatro derrotas e três empates. Com ele à frente da equipe, o Ferrão não conseguiu se classificar para o mata-mata da Série C do Brasileiro. Após um início ruim na Taça Fares Lopes, Veiga foi demitido após a derrota de 2 a 1 para o Atlético-CE, no dia 19 de setembro. No mesmo dia, Zé Teodoro foi anunciado como técnico, que estava há no cargo há menos de quatro meses no cargo. 

Novo técnico do Ferroviário Anderson Batatais tem 47 anos e é paulista. Ele foi treinador do Guarany de Sobral em 2019, além de ter passagens pelo Ceará como auxiliar técnico, técnico interino e profissional das categorias de base. Anderson atuou ainda como auxiliar do técnico Vágner Mancini no Vitória e no Santos.

Com o novo treinador, o Ferroviário volta a campo nesta quarta-feira, 15, para encarar o Floresta, em jogo marcado para as 21h30min, no estádio Presidente Vargas. A partida é válida pela 4ª rodada do Estadual.