PUBLICIDADE
Futebol Cearense
TORCIDA PRESENTE

Juntos, Ceará e Fortaleza tiveram mais de um milhão de pagantes no Campeonato Brasileiro em 2018

17:02 | 27/11/2018
Ilustração: Carlus Campos/O POVO
Como se não bastasse os dois times garantidos na Série A de 2019, bons trabalhos fora de campo e a certeza de ser o melhor ano do futebol cearense dentro das quatro linhas, os torcedores de Ceará e Fortaleza decidiram ajudar nas arquibancadas. Juntos, nos campeonatos brasileiros da primeira e segunda divisões, os dois times colocaram um total de 1.021.613 pagantes na Arena Castelão e Presidente Vargas - onde o Alvinegro mandou cinco jogos. 

Esse número ainda vai aumentar. Isso porque o Ceará faz o seu último compromisso em casa pela Série A do Campeonato Brasileiro 2018 contra o Vasco no próximo domingo, 2, no Castelão, e tem tudo para ultrapassar a marca dos 50 mil pagantes. A busca do torcedor alvinegro é alta no momento. Em menos de 48h de vendas, já foram comercializados mais de 23 mil ingressos. 

Na Série B, o Fortaleza colocou 545.340 mil pagantes em seus 19 jogos como mandante na competição, o que dá uma média de 28 mil por confronto, a maior da divisão. Já o Ceará, na Série A, tem uma média de 26 mil em 18 embates - dos quais cinco foram feitos no PV, com capacidade para mais de 20 mil pessoas. Isso dá, hoje, a sexta melhor média da Primeirona. O Alvinegro colocou ao todo 476.273 pagantes durante o ano no Brasileirão. 

O dado acaba sendo bom também quando se olha o bruto de cada jogo. Tanto Ceará quanto Fortaleza tiveram sete jogos cada em que colocaram um público pagante superior a 30 mil. Nesses, o Tricolor colocou mais de 50 mil em três (Paysandu, Juventude e Ponte Preta), enquanto que o Alvinegro teve apenas um (Flamengo). O clube do Pici teve dois jogos com renda superior a R$ 1 milhão (Paysandu e Juventude). O mesmo número de embates serve para o Ceará, que contra Corinthians e Flamengo viveu essa realidade. 

GERSON BARBOSA

Comentários