PUBLICIDADE
Futebol Cearense
DECISÃO

Ceará vence o Fortaleza por 2 a 1 e larga na frente pelo título do Campeonato Cearense

Para o 2º duelo, o Alvinegro joga pelo empate para ser campeão. Já o Fortaleza fica com o título com uma vitória simples.

23:41 | 04/04/2018

Arthur comemora 1º gol marcado na partida (Foto: Mateus Dantas/O POVO)
 

O Ceará largou na frente do Fortaleza na busca pelo título do Campeonato Cearense, na noite desta quarta-feira, 4, no Castelão, no 1º duelo da decisão. Com dois de Arthur, o Vovô venceu por 2 a 1 o Leão, que fez o de honra com Gustavo aos 42 minutos do 2º tempo. 

+ Ferroviário é goleado pelo Atlético-MG no Horto e se complica na Copa do Brasil

Para o 2º duelo, o Alvinegro joga pelo empate para ser campeão. Já o Fortaleza fica com o título com uma vitória simples.

As equipes voltam a se encontrar neste domingo, 8, às 16 horas, no Castelão.

O jogo
Ceará e Fortaleza tiveram um início equilibrado, com muitas faltas alternadas. Até os 30 minutos do 1º tempo, as chances de gol se dividiam para os dois lados. Antes do primeiro gol do confronto, os jogadores do Alvinegro ficaram na bronca com o árbitro, pedindo pênalti em jogada que Felipe Azevedo disputou - sem bola - com Jussani e Roger Carvalho e caiu dentro da área.

Foi aí que aos 34 minutos Arthur completou de cabeça o cruzamento de Wescley, abrindo o placar e fazendo a festa dos torcedores alvinegros no Castelão.

Com o gol, o Ceará passou a ter o controle do jogo. O trio de meio de campo com Richardson, Juninho e Ricardinho armavam o início da jogada do Vovô. A equipe comandada por Chamusca conseguia infiltrar no sistema defensivo do rival tanto pelos lados, quanto pelo centro.

Já o Tricolor não conseguia reagir de forma organizada. Quando o time de Ceni tinha a bola, os jogadores buscavam as jogadas pelas laterais para cruzarem para Gustavo.

Bem postado defensivamente, o Ceará anulava a principal jogada do Leão. Com este cenário, o Vovô movimentou o placar mais uma vez. Após escanteio cobrado por Juninho, a bola sobrou para Arthur, que só empurrou para o fundo das redes, aos 42 minutos do 2º tempo.

Na volta para última etapa do duelo, Ceni lançou a campo Derley e Wesley nos lugares de Jussani e Igor Henrique, modificando o esquema tático de 3-4-3 para 4-3-3. A equipe melhorou o desempenho com as alterações, mas faltava um meia armador de origem para acertar o passe final das jogadas ofensivas.

Aos 29 minutos, o treinador tricolor fez a última mudança, colocando Alípio no lugar de Léo Natel, e ouviu gritos de burro das arquibancadas.

Os times se alternavam nas jogadas ofensivas, mas paravam em desarmes no sistema defensivo ou nos goleiros. O Fortaleza, mesmo atrás do placar, seguia tentando a todo o custo um gol para diminuir o placar.

Aos 42 minutos do 2º tempo, Tinga subiu mais alto que Ernandes e desviou de cabeça para Gustavo marcar, dando números finais ao confronto.

Ficha técnica
Ceará 2 x 1 Fortaleza
Castelão - 21h45min


CEARÁ

4-2-3-1: Everson; Pio, Valdo, Luiz Otávio e Ernandes; Richardson (Raul) e
Juninho; Ricardinho, Felipe Azevedo e Wescley (Roberto); Arthur (Elton)
Técnico: Marcelo Chamusca

FORTALEZA

4-2-3-1: Matheus Inácio; Roger Carvalho, Diego Jussani (Wesley) e Ligger;
Tinga, Felipe, Igor Henrique (Derley) e Bruno Melo; Léo Natel (Alípio),
Osvaldo e Gustavo
Técnico: Rogério Ceni


Público pagante: 17.312

Não pagante: 1.000

Total: 18.312

Renda: R$ 241.480,00

Comentários