Termo de Uso Política de Privacidade Política de Cookies Conheça O POVO Trabalhe Conosco Fale com a gente Assine Ombudsman
Participamos do

Ceará recebe lanterna Chapecoense no Castelão para tentar encerrar jejum de vitórias

Pressionado, o Alvinegro deverá ter uma postura mais agressiva contra os catarinenses, em busca de um triunfo. A Chape tem a pior defesa da competição e deve jogar apenas no contra-ataque
22:19 | Set. 24, 2021
Autor Brenno Rebouças
Foto do autor
Brenno Rebouças Repórter
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O Ceará tem, diante da Chapecoense, neste sábado, 25, a melhor oportunidade de encerrar o jejum de vitórias na Série A do Brasileiro, que já dura seis partidas. Os motivos são claros. Além de lanterna da competição, a equipe catarinense tem a pior defesa do campeonato e só faturou uma vitória em 21 rodadas disputadas.

Além disso, o Vovô precisa de um triunfo urgentemente. O Alvinegro vem despencando na tabela de classificação e se não sair de campo com três pontos, corre risco de ver a distância para o Z-4 cair para apenas um ponto — mas não pode entrar na zona da degola por conta do confronto entre Santos e Juventude.

Não resta outra opção ao Ceará, portanto, que não seja tomar as rédeas da partida e apresentar uma postura bem mais agressiva que em duelos anteriores. Para enfrentar a Chape, o técnico Tiago Nunes tem até duas peças para estrear, se quiser. O atacante Gabriel Santos, que já treina no clube há duas semanas, e o lateral-direito Igor, regularizado ontem, podem ser as novidades na lista de relacionados.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Mudança garantida mesmo, somente na zaga. Sem Messias, o jovem Gabriel Lacerda deve ser reconduzido à titularidade. Ele fará dupla inédita com Luiz Otávio nesta Série A do Brasileiro. No meio de campo, há dúvida se Geovane será mantido e no meio, Vina pode perder espaço para Lima.

O técnico da Chapecoense, o ex-volante Pintado, aposta em um Ceará ofensivo. Na coletiva pré-jogo, ele revelou que preparou a equipe para suportar a pressão alvinegra e ser fatal quando tiver a oportunidade de contra-atacar.

“Vamos enfrentar uma equipe que está a três pontos da zona de rebaixamento, pressionada [...] Tenho certeza que vamos ser pressionados desde o primeiro minuto. Temos que entrar muito ligados, sustentar a parte defensiva para em um momento do jogo construir o momento ofensivo”, disse o comandante da Chape.

Ele não contará com os meias Anderson Leite, Léo Gomes e Felipe Baxola, nem com o zagueiro Joilson. Durante a semana, Pintado chegou a ensaiar uma formação com quatro atacantes, mas no treino de apronto recuou e deve ir com três homens no meio de campo.

Ficha Técnica

Ceará
4-2-3-1
Richard; Gabriel Dias, Lacerda, Luiz Otávio, Pacheco; Sobral, Geovane (Marlon); Rick (Erick), Vina (Lima), Kelvyn; Jael

Chapecoense
4-3-3
Keiller; Matheus, Jordan, Kadu, Busanello; Moisés, Alan Santos, Denner; Bruno Silva, Anselmo Ramon, Mike. Téc: Pintado

Local: Castelão, em Fortaleza-CE
Data: 25/9/2021
Horário: 17 horas
Árbitro: Caio Max Vieira-RN
Assistentes: Jean Márcio dos Santos-RN e Lorival Cândido das Flores-RN
VAR: Pablo Ramon Pinheiro-RN
Transmissão: Premiere, Rádio O POVO CBN FM 95.5 e AM 1010, Facebook e YouTube do O POVO Online (áudio)

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags