Participamos do

Jogadores do Ceará são pressionados por torcedores no aeroporto

Atletas foram surpreendidos com cobranças inflamadas de alguns torcedores que foram esperar o desembarque da delegação do clube
18:00 | Jun. 14, 2021
Autor Brenno Rebouças
Foto do autor
Brenno Rebouças Repórter
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O desembarque da delegação do Ceará, na tarde desta segunda-feira, 14, foi marcado por tensão. Torcedores foram até o aeroporto para esperar e pressionar alguns jogadores do Ceará, com cobranças exaltadas. Vina foi o principal alvo dentre os atletas.

Nas imagens feitas pelo repórter Eliomar de Lima, do jornal O POVO, é possível ver torcedores abordando de forma ríspida o volante Charles e, principalmente, Vina. Com muitas pessoas falando ao mesmo tempo, é difícil compreender o que é dito aos jogadores, mas é possível ouvir frases como “Tá acontecendo alguma coisa lá dentro?” e “vamos assumir”, além de palavras soltas como “vergonha” e “palhaçada”.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Vina chega a responder, dizendo “Se eu quisesse, tinha ido embora. Eu quis ficar”, mas as reclamações dos torcedores persistem. O jogador só consegue deixar a área de desembarque com a ajuda de alguns seguranças do time, que vão abrindo caminho. Charles conseguiu andar sozinho até a saída do aeroporto, mas foi acompanhado por alguns dos que protestavam, ouvindo reclamações. Bruno Pacheco não foi pressionado, mas resolveu passar longe da movimentação.

O Ceará não vai se manifestar oficialmente sobre o assunto, mas confirmou que não houve agressão física aos jogadores. O time se reapresenta na terça-feira, 15, mirando o jogo contra o Bahia, na quinta-feira, 17, às 16 horas.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags