PUBLICIDADE
Ceará Sporting Club
NOTÍCIA

Ceará bate o Atlético-GO por 2 a 0 e conquista segunda vitória seguida na Série A

Com o resultado, o Alvinegro do Porangabuçu deixou a zona de rebaixamento e assumiu a 11ª posição na parcial da sexta rodada da competição

Lucas Mota
20:10 | 30/08/2020
Vinícius marcou golaço diante do Atlético-GO (Foto: Junior Guimaraes/Cearasc.com)
Vinícius marcou golaço diante do Atlético-GO (Foto: Junior Guimaraes/Cearasc.com)

Com golaço de Vinícius, o Ceará bateu o Atlético-GO fora de casa, na noite deste domingo, 30, e conquistou a segunda vitória seguida na Série A do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o Alvinegro do Porangabuçu deixou a zona de rebaixamento e assumiu a 11ª posição na parcial da sexta rodada da competição.

O triunfo eleva a moral do Vovô para o Clássico-Rei, na quarta-feira, 2, em confronto válido pela Série A. O duelo tem contexto de revanche para o Fortaleza, eliminado pelo Ceará na semifinal da Copa do Nordeste. Na temporada, Alvinegro e Tricolor se enfrentaram três vezes, com uma vitória para cada lado e um empate.

Depois do início irregular no Brasileirão, o Vovô volta a apresentar resultados importantes na competição. A campanha do Ceará agora é de duas vitórias, um empate e três derrotas. É o primeiro triunfo da equipe cearense fora dos seus domínios. Com o revés em casa, o Atlético-GO amarga a vice-lanterna da Série A, com quatro pontos.

No primeiro tempo, goianos e cearenses fizeram duelo travado com poucas chances de gol. Os times comandados por Wagner Mancini e Guto Ferreira priorizaram a marcação e mostraram pouca inspiração no setor ofensivo.

A melhor oportunidade do Alvinegro apareceu logo no minuto inicial do primeiro tempo, com cabeceio do centroavante Cléber, mas o goleiro Jean salvou para o Dragão. Do lado do Atlético-GO, quem criou perigo foi o próprio arqueiro em cobrança de falta que Fernando Prass defendeu.

Na segunda etapa, o Ceará voltou com maior intensidade e passou a controlar a partida. Mais objetivo, os comandados de Guto Ferreira mostraram efetividade em campo. Aos 18 minutos, a transição, principal conceito aplicado por "Gordiola" na equipe, funcionou. Em contra-ataque rápido, Vinícius puxou a jogada, lançou Fernando Sobral e recebeu novamente para marcar um golaço, abrindo o placar diante do rival.

Com a vantagem no placar, o Vovô ainda se aproveitou da expulsão de Edson, do Atlético-GO. Com um a mais, o escrete alvinegro passou a administrar o resultado. Os goianos, mesmo na desvantagem numérica, se lançaram ao ataque e buscaram o empate, mas sem sucesso.

Nos acréscimos da partida, Lima, que substituiu Vinícius, se aproveitou da saída de bola errada do adversário e balançou as redes, dando números finais ao triunfo do Ceará.

Atlético-GO
4-2-3-1: Jean; Dudu (João Vitor), Éder, Gilvan e Nicolas; Marlon e Edson; Everton Felipe (Janderson), Jorginho (M. Frizzo) e Ferrareis (M. Vargas); Hyuri (Chico). Téc: Wagner Mancini

Ceará
4-2-3-1: Prass; Samuel, Tiago, Lacerda e Bruno; Fabinho e Charles; Leandro (Mateus), Vina (Lima) e Sobral; Cléber (Sobis). Téc: Guto Ferreira

Data: 29/8

Hora: 18 horas

Local: Olímpico, em
Goiânia/GO

Árbitro: Igor Junio Benevenuto de Oliveira

Assistentes: Ricardo Junio de Souza e Sidmar dos Santos Meurer

VAR: Wagner Reway

Cartões amarelos: M. Frizzo (ATL); Lima e Tiago (CEA)

Cartão vermelho: Marlon Freitas