PUBLICIDADE
Esportes

Por suposto uso de Anastrozol, Pedro Ken, do Ceará, está suspenso provisoriamente pela ABCD

Atleta teria usado uma substância proibida na partida contra o Santa Cruz, pela Série B do ano passado

14:44 | 08/05/2018
NULL
NULL

[FOTO1]

O volante Pedro Ken, do Ceará, apareceu na lista da Autoridade Brasileira de Controle de Dopagem (ABCD) que informa quais atletas atuaram de forma irregular e estão cumprindo suspensão provisória. A atualização do documento foi publicada nesta terça-feira, 8 de maio. Há dezenas de outros esportistas brasileiros na mesma condição, das mais variadas modalidades.

A suspensão aconteceu na última sexta-feira, 4, após julgamento no Tribunal de Justiça Desportiva Antidopagem. Desde então, o atleta está proibido de jogar futebol. Mais informações somente serão obtidas com a publicação do acórdão do julgamento.

De acordo com informações oficias da ABCD, Pedro Ken teve constatada a presença da substância Anastrozole em exame coletado após a partida entre Santa Cruz e Ceará pela Série B do Campeonato Brasileiro de 2017. O jogo terminou em 0 a 0. O anastrozol é um inibidor de aromatase, medicamento criado para o tratamento do câncer de mama, e geralmente é utilizado por atletas para inibir a transformação do hormônio sexual masculino, a testosterona, na hormônio feminino, o estrogênio.

Posição do clube

O Ceará se manifestou oficialmente em coletiva de imprensa na tarde desta terça-feira (8). Além de Pedro Ken, falaram pelo clube o diretor jurídico do Ceará, Jamilson Veras, e o médico do Alvinegro, Henrique Bastos.

"O clube confia na incocência e espera a definição do caso por parte do ABCD, para que ele possa jogar o quanto antes. Acreditamos que isso possa ocorrer o mais rápido possível", afirmou Jamilson Veras, em entrevista exclusiva à Rádio O POVO/CBN.  

Lesão

Sem atuar desde a partida contra o Fortaleza no último dia quatro de fevereiro - quando o Vovô venceu o arquirival por 2 a 0, ainda na primeira fase do Cearense - Pedro Ken está no tratamento de síndrome da banda iliotibial, que é uma espécie de tendinite de um local específico do quadril e de acordo com o Ceará, está em fase final de transição.

 

O atleta chegou ao Ceará em março de 2017. Até aqui, são 45 partidas e quatro gols marcados, além de dois títulos conquistados do Campeonato Cearense (2017-18) e o acesso para Série A do Campeonato Brasileiro.

Atualizado às 10h54min de 09/05/2018

 

VEJA MAIS: CORINTHIANS 1x1 CEARÁ - O MELHOR JOGO DO VOVÔ NO BRASILEIRÃO | NA PRANCHETA #12

[VIDEO2]
TAGS