Presidente aprova e diz que Larghi pode seguir em 2019Clube Atlético Mineiro | Times | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Presidente aprova e diz que Larghi pode seguir em 2019

O Atlético fez um contrato curto com o técnico Thiago Larghi. Pela falta de experiência do treinador, além do período como interino, a ideia do Galo era dar um tempo ao jovem comandante até dezembro de 2018. No entanto, ele agrada e a diretoria alvinegra já pensa em sua sequência. ?Nós fizemos um contrato com [?]

21:30 | 24/08/2018

O Atlético fez um contrato curto com o técnico Thiago Larghi. Pela falta de experiência do treinador, além do período como interino, a ideia do Galo era dar um tempo ao jovem comandante até dezembro de 2018. No entanto, ele agrada e a diretoria alvinegra já pensa em sua sequência.

?Nós fizemos um contrato com ele até o fim do ano, que foi um entendimento comum entre as partes. Mas isso não significa dizer que ele não vá continuar conosco. Absolutamente. Os resultados que ele está tendo, aliás, até indicam que nós vamos continuar com esse trabalho para o ano que vem?, destacou o Presidente Sérgio Sette Câmara.

Thiago Larghi merece realmente elogios. Ele assumiu o Galo em fevereiro. Na época, o time de Oswaldo Oliveira era pouco animador, sofria para vencer partidas no Campeonato Mineiro, não tinha padrão e era lento. Demitido após um jogo ruim pela Copa do Brasil, contra o Atlético-AC e brigar com um repórter que só fazia o seu trabalho de questionar, Larghi pegou o comando da equipe.

Larghi conseguiu arrumar o Galo, deu padrão de jogo e fazer boas partidas. Recuperou Roger Guedes ? que rendeu lucro ao time ? e levou o Atlético para a briga na ponta do Campeonato Brasileiro. Na parada para a Copa do Mundo, o grupo mineiro desfigurou: os volantes titulares se contundiram e o artilheiro foi vendido. Thiago novamente conseguiu arrumar o estilo de jogo e a equipe vai ganhando corpo.

Por esses motivos, o Presidente Sette Câmara elogiou o trabalho de seu treinador. ?O Thiago Larghi está fazendo um excelente trabalho. Nosso time está bem colocado, brigando primeiramente por uma vaga na Libertadores. A gente acompanha o dia a dia do trabalho dele na Cidade do Galo. É um jovem muito sério. É uma tendência do mercado hoje (apostar em técnicos jovens). Os valores mirabolantes que estão sendo pedidos por treinadores que já tem muito tempo na praça, não permitem mais a gente fazer esse contratos. Por isso nós investimos no Thiago, e ele tem trazido um retorno excepcional?, finalizou.

Gazeta Esportiva

TAGS