PUBLICIDADE
Esportes

Contratado pelo Galo, Denilson fala de peso da camisa do Atlético

O jovem atacante Denilson ainda busca seu espaço no cenário do futebol brasileiro. Embora tenha vestido grandes camisas, como São Paulo, Fluminense e Vitória, ele garante que a camisa preto e branca é muito pesada, sobretudo, dos camisas nove. ?Vou ser sincero que sim? A camisa 9 no Atlético pesa muito, até porque desde criança [?]

17:15 | 27/06/2018

O jovem atacante Denilson ainda busca seu espaço no cenário do futebol brasileiro. Embora tenha vestido grandes camisas, como São Paulo, Fluminense e Vitória, ele garante que a camisa preto e branca é muito pesada, sobretudo, dos camisas nove.

?Vou ser sincero que sim? A camisa 9 no Atlético pesa muito, até porque desde criança venho acompanhando o Atlético, desde agora, nessa nova geração, que foi o Jô. Me encantava assistir ele jogar, junto com os outros companheiros. E eu tenho um espelho no Atlético hoje. Como todos sabem, o Ricardo Oliveira, para mim, é um pai no futebol que Deus me deu. Com ele, venho aprendendo fora de campo, com ele eu venho aprendendo bastante dentro de campo também. Espero alcançar um nível muito grande aqui no Atlético e, quem sabe, ser o futuro camisa 9 do Atlético?, destacou.

Algo que pesou a favor da chegada de Denilson ao Atlético foi a amizade com o atacante Ricardo Oliveira. O novo atacante atleticano fala de sua relação com o ?pastor? e a ajuda que já teve.

?Minha história com o Ricardo Oliveira é desde o passado, porque, quando cheguei no São Paulo, criamos uma afinidade muito grande. Eu vivia na casa do Ricardo Oliveira. A gente conversava, no celular. Quando acabou o jogo, ele me chamou para conversar, porque fazia tempo que a gente não conversava. Ele foi feliz ao colocar também sobre o meu extra-campo. Ele veio perguntar o que estava acontecendo. Ele colocou várias coisas, coisas ocultas nossas. Vejo que hoje eu aprendi. Essa oportunidade que estou tendo agora é para me mostrar que o que passou (está) no passado, que é para eu fazer diferente no futuro?, finalizou.

Gazeta Esportiva

TAGS