PUBLICIDADE
NOTÍCIA

Estado de emergência decretado em Tóquio continuará em vigor nas Olímpiadas

O Japão decretou estado de emergência a duas semanas da abertura dos jogos olímpicos

11:23 | 08/07/2021
O primeiro-ministro japonês anunciou que estado de emergência em Tóquio permanecerá em vigor durante os Jogos Olímpicos. (Foto: Behrouz MEHRI / AFP)
O primeiro-ministro japonês anunciou que estado de emergência em Tóquio permanecerá em vigor durante os Jogos Olímpicos. (Foto: Behrouz MEHRI / AFP)

O primeiro-ministro japonês, Yoshihide Suga, anunciou nesta quinta-feira que será declarado estado de emergência em Tóquio, mais uma vez, e este "status" permanecerá em vigor durante os Jogos Olímpicos.

A apenas duas semanas da cerimônia de abertura, em 23 de julho, o número de infecções por coronavírus aumenta na capital japonesa, com considerável avanço dos casos da variante Delta.

"Vamos declarar estado de emergência em Tóquio", disse Suga, em uma reunião de governo dedicada às medidas sanitárias, acrescentando que vai durar até 22 de agosto, quase três semanas depois do encerramento dos Jogos, em 8 de agosto.

Ainda conforme o premiê, o governo poderá, no entanto, suavizar as restrições, "se os efeitos da campanha de vacinação forem claros, e se assistirmos a uma melhora da situação".

Pouco antes, o ministro japonês encarregado da gestão da pandemia da covid-19, Yasutoshi Nishimura, já havia informado que "o número de novos casos continua aumentando em Tóquio".

"Com o aumento da circulação de pessoas, a variante Delta, mais infecciosa, representa agora cerca de 30% dos casos. Espera-se que este número vá continuar aumentando", acrescentou Nishimura.

O presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Thomas Bach, chegou ao Japão nesta quinta-feira. Ele deve participar de uma reunião com o comitê organizador local, com representantes do governo japonês e com autoridades da prefeitura de Tóquio para discutir a questão da presença de público durante as provas.

TAGS