PUBLICIDADE
NOTÍCIA

Rafinha comenta desistência do Flamengo na sua contratação

O lateral deixou claro a intenção de voltar ao clube e o Rubro-negro também tinha interesse

09:18 | 23/03/2021
Rafinha está no Olympiacos e tinha o interesse de voltar ao clube carioca (Foto: Marcelo Cortes / Flamengo)
Rafinha está no Olympiacos e tinha o interesse de voltar ao clube carioca (Foto: Marcelo Cortes / Flamengo)

O Flamengo desistiu oficialmente da contratação do lateral direito Rafinha. O jogador foi acusado por parte da torcida de ter pedido um salário alto para retornar ao clube carioca.

Só que nesta segunda-feira, Rafinha se pronunciou sobre o assunto. O lateral afirmou que o lado financeiro não foi o problema na negociação.

"O treinador me queria, o departamento de futebol todo me queria. Os torcedores me queriam. A parte financeira já deixei claro que não era o problema. Vou repetir: flexibilizei o máximo que poderia para receber meu salário em 2022. Claro que eu fui vítima de uma guerra política. Não tenho culpa disso. Podem estar zangados com o Olympiacos, respeito. Tenho muito carinho. Não foi isso que alegaram. Falaram que era parte financeira. Eles têm essa guerra, eu não sabia também. Eu paguei o pato, fiquei 35 dias esperando tomarem decisão e não deu certo. Pula para o outro lado e tinha as pessoas que eu soube que não queriam minha contratação", disse ao Sportv.

Rafinha ressaltou que sua vontade era jogar no Flamengo.

"Não seria, de jeito nenhum, o valor que ganhei na primeira passagem. Não tem comparação, afinal abri mão disso também, porque sei da situação, sei como é. O valor seria muito menor do que ganhei na primeira passagem. Todo mundo falando de dinheiro e luvas, o torcedor não sabe a realidade. Eu iria receber bem menos. Eu nem sabia quanto ia receber, porque estava esperando o Flamengo fazer uma proposta. O Flamengo sabe meu valor, o jogador que sou, o que represento. Esperei o Flamengo fazer proposta e claramente eu ia aceitar. Independentemente do valor, eu ia aceitar. Eu quero jogar", declarou.

O lateral destacou que a partir de agora vai começar a negociar com outros clubes. Rafinha não descartou voltar a atuar fora do Brasil.

"Eu sou profissional. Todo mundo sabe o carinho que tenho pelo Flamengo. Me tratam como ídolo, eu triunfei aqui, fui campeão aqui. Esse casamento deu certo, ninguém vai apagar essa história. Tenho mais alguns anos no futebol, estou muito bem fisicamente. Tenho muito para dar ainda. A partir de hoje, virei a chave e vou seguir minha vida profissional. Estou me preparando. Meus representantes estão liberados para procurar outra coisa melhor para mim. Não sou nenhum menino mais. Quero ir para um clube que tenha projeção de ser campeão. Quero buscar mais títulos e volta a jogar que é o que mais quero", comentou.

A imprensa gaúcha vem noticiando o interesse do Grêmio em Rafinha. Com isso, o lateral pode acertar sua ida para Porto Alegre nos próximos dias.