PUBLICIDADE
NOTÍCIA

Fifa propõe aumentar número de substituições de três para cinco após a pandemia

Proposta tem como objetivo preservar a integridade física dos jogadores em uma possível maratona de jogos

Vinícius França
11:11 | 27/04/2020
Número de alterações possíveis em uma partida pode aumentar pós-pandemia
Número de alterações possíveis em uma partida pode aumentar pós-pandemia (Foto: AFP)

Para ajudar as equipes a lidarem com o volume de jogos após a pandemia do novo coronavírus, a Fifa propôs uma mudança nas regras de substituições. A entidade quer que o número de alterações possíveis em uma partida suba de três para cinco, apesar de não especificar poe quanto tempo essa modificação ficaria em vigor. As informações são da agência de notícias Reuters.

Como se trata de uma mudança na regra do jogo, a medida teria que ser aprovada pela International Football Association Board (IFAB). Além disso, mesmo com a aprovação da associação que regulamenta o futebol, cada liga nacional teria o direito de adotar ou não o novo regulamento.

Em comunicado enviado à agência alemã DPA, a Fifa justificou a proposta: “A segurança dos jogadores é uma das principais prioridades da Fifa. Uma preocupação a esse respeito é que a frequência das partidas pode aumentar o risco de possíveis lesões devido à sobrecarga do jogador. Diante disso e do desafio único enfrentado mundialmente na realização de competições de acordo com o calendário previsto, a Fifa propõe que um número maior de substituições seja temporariamente permitido”.

Recentemente, uma mudança na regra de substituição entrou em vigor em 2018. Na mesma decisão que aprovou o uso do árbitro de vídeo, a IFAB determinou que uma quarta alteração poderia ser feita em caso de prorrogação.

Listen to "#93 - Robinson de Castro abre o jogo: preocupação com coronavírus, testagem do elenco e volta do futebol" on Spreaker.