PUBLICIDADE
NOTÍCIA

Médicos que salvaram Eriksen e o atleta são convidados para a final da Euro

Com a Itália garantida na final após derrotar a Espanha, Wembley aguarda o segundo finalista entre Inglaterra e Dinamarca

09:36 | 07/07/2021
Christian Eriksen caiu após um mal súbito enquanto defendia a Dinamarca na Eurocopa (Foto: AFP)
Christian Eriksen caiu após um mal súbito enquanto defendia a Dinamarca na Eurocopa (Foto: AFP)

A Uefa convidou o meia dinamarquês Christian Eriksen e os paramédicos que o salvaram de uma parada cardíaca na partida contra a Finlândia para a grande decisão da Eurocopa, no domingo, em Wembley.

Segundo a ESPN, Eriksen, sua mulher e seis médicos foram convidados pela entidade, mas ainda não há a confirmação de sua presença.

Peder Ersgaard, um dos médicos que salvaram Eriksen, falou sobre o convite da Uefa. "Estou animado como uma criança na véspera de Natal. Estou muito orgulhoso dos meus esforços, mas também de toda a equipe. Não foi um esforço apenas individual", disse á revista Fagbladet FOA.

Na estreia da Dinamarca na Euro, contra a Finlândia, Eriksen passou por um mal súbito dentro de campo em um lance isolado. O jogador teve que ser reanimado dentro do gramado por paramédicos, gerando uma comoção mundial.

O jogador da Internazionale passou por uma cirurgia para implementar um cardiodesfibrilador interno (CDI) no coração e se recupera em Copenhague.

Nas semifinais da Euro, Espanha e Itália se enfrentam nesta terça-feira às 16 horas (de Brasília), enquanto Inglaterra e Dinamarca jogam na quarta. Os vencedores se encontram na grande decisão em Wembley.

TAGS