PUBLICIDADE
Esportes

Técnico da Bélgica fala em legado e vê merecimento após 3º lugar

O técnico Roberto Martínez poderá dar adeus à Rússia como o homem responsável pelo time com o melhor ataque da Copa do Mundo. Com a vitória sobre a Inglaterra por 2 a 0 neste sábado, a Bélgica foi a 15 gols na competição e assegurou o histórico terceiro lugar, melhor resultado da equipe em Mundiais. [?]

13:30 | 14/07/2018

O técnico Roberto Martínez poderá dar adeus à Rússia como o homem responsável pelo time com o melhor ataque da Copa do Mundo. Com a vitória sobre a Inglaterra por 2 a 0 neste sábado, a Bélgica foi a 15 gols na competição e assegurou o histórico terceiro lugar, melhor resultado da equipe em Mundiais. Justamente por isso, o treinador espanhol não esconde o orgulho de seus jogadores e crê que eles deixarão um legado para as próximas gerações.

?Talvez a gente pudesse marcar mais gols, porque criamos quatro, cinco oportunidades. O desejo dos jogadores de marcarem gols, de continuarem jogando da melhor maneira possível, foi o que construiu esse resultado. Mais de dez gols marcados, temos algo para a história dessa competição. Esse legado vai permanecer conosco nos próximos anos?, disse Roberto Martínez.

Neste sábado, a Bélgica precisou de apenas três minutos para abrir o placar contra a Inglaterra. Extremamente eficiente, assim como já havia se mostrado nas quartas de final, contra o Brasil, o time liderado por Hazard não deu muitas chances para a Inglaterra, que ainda sofreu mais um gol, este marcado pelo jogador do Chelsea, para liquidar a fatura no estádio Krestovsky.

?Foi um jogo no qual começamos muito afiados, mas claro que depois a gente passa por um período em que o cansaço acaba batendo um pouco e isso pode nos afetar. Mas o jogo era contra a Inglaterra, uma boa equipe. É preciso se manter concentrado todo o tempo, e os jogadores mantiveram essa concentração de maneira incrível?, prosseguiu o treinador.

?Esses jogadores mereceram isso, porque o talento acaba te levando a algum lugar. Esses jogadores não só confiaram no talento da equipe, mas em todo o trabalho de grupo que eles realizaram até aqui para chegarem nesses resultados. O padrão de desempenho foi fantástico, eles quiseram que cada cidadão belga ficasse extremamente orgulhoso e eles conseguiram?, concluiu.

Gazeta Esportiva

TAGS