PUBLICIDADE
Esportes

Irmão de Alisson, goleiro Muriel assiste a treino da Seleção em Sochi

Antes de se reapresentar ao Belenenses, de Portugal, o goleiro Muriel esteve em Sochi para acompanhar o treinamento da Seleção Brasileira nesta segunda-feira. O irmão de Alisson comemorou a oportunidade de, enfim, poder acompanhar um momento importante da carreira do caçula da família Becker e lamentou o fato de não poder ir a Moscou assistir [?]

11:15 | 25/06/2018

Antes de se reapresentar ao Belenenses, de Portugal, o goleiro Muriel esteve em Sochi para acompanhar o treinamento da Seleção Brasileira nesta segunda-feira. O irmão de Alisson comemorou a oportunidade de, enfim, poder acompanhar um momento importante da carreira do caçula da família Becker e lamentou o fato de não poder ir a Moscou assistir ao último e decisivo duelo do time canarinho na fase de grupos da Copa do Mundo, contra a Sérvia, na próxima quarta.

?Esse jogo [contra a Sérvia] vou ter que acompanhar lá de Portugal, mas a família toda continuará aqui. Meus pais, filhos e esposa?, disse Muriel, que se reapresenta no próximo dia 27 de julho ao seu clube, antes de comentar sobre o alto nível que Alisson vem demonstrando embaixo das traves, fato que gerou interesse de alguns gigantes da Europa em seu futebol, como Liverpool e Real Madrid, finalistas da última Liga dos Campeões.

?O Alisson está em grande nível. É um dos melhores do mundo, isso se já não for o melhor. O ponto forte dele é a frieza e a personalidade. Sempre foi muito maduro. Quando ele estreou no Internacional muito novo, já parecia um veterano. Na Seleção principal também foi assim, aos 22 anos. Ele soube lidar muito bem com a responsabilidade de representar a camisa da Seleção, a maior do mundo, desde criança nas categorias de base da Seleção e sempre com muito destaque. Dava para ver que ele chegaria nesse nível, ele tinha muito potencial?, completou.

Muriel é seis anos mais velho que Alisson, porém, chegou a ser companheiro de equipe do irmão no Internacional. No ano passado, acabou acertando sua transferência para o futebol português e atualmente acompanha o goleiro titular da Seleção Brasileira e, por enquanto, da Roma à distância. Ainda assim, ele segue passando sua experiência a um dos arqueiros mais em voga na atualidade.

?Como goleiro, eu sei como a gente se sente nos jogos, na Seleção é um peso ainda maior. Eu sempre falo para o Alisson desfrutar desse momento, porque tudo passa muito rápido. É uma responsabilidade muito grande, mas ele tem que aproveitar. Poucos têm esse privilégio de disputar uma Copa do Mundo. O time está muito bem e vai crescer ainda mais. Ele tem que estar tranquilo, desde criança ele trabalhou para isso e vai corresponder muito bem?, concluiu Muriel sobre a pressão de ajudar o Brasil a se classificar para as oitavas de final da Copa do Mundo.

Gazeta Esportiva

TAGS