PUBLICIDADE
Esportes

Em confronto direto, Peru e Dinamarca fazem estreia ?retrô?

Um duelo retrô entre duas seleções que buscam no passado a inspiração para conseguirem brilhar no presente. Assim pode ser definido o confronto entre Peru e Dinamarca, que se enfrentam neste sábado, às 13h00 (de Brasília), na Mordovia Arena, em Saransk, na Rússia, pela estreia de ambas no Grupo C da Copa do Mundo de [?]

20:15 | 15/06/2018

Um duelo retrô entre duas seleções que buscam no passado a inspiração para conseguirem brilhar no presente. Assim pode ser definido o confronto entre Peru e Dinamarca, que se enfrentam neste sábado, às 13h00 (de Brasília), na Mordovia Arena, em Saransk, na Rússia, pela estreia de ambas no Grupo C da Copa do Mundo de 2018. A chave conta ainda com França e Austrália, que duelam no mesmo dia.

O Peru não joga uma Copa do Mundo desde 1982, o que torna a atual geração especial. O país está vivendo dias de festa. Já a Dinamarca tenta repetir o feito de 1986, quando a chamada ?Dinamáquina? encantou o mundo com suas atuações no Mundial do México.

?Teremos um grande jogo, principalmente pela vontade das duas equipes de conquistarem a vitória e de chegarem até as oitavas de final. Posso dizer que a Dinamarca se preparou muito bem para atingir essa meta. Acredito que a partida de estreia será muito complicada e nervosa, mas temos que somar os três pontos?, analisou Åge Hareide, treinador da Dinamarca.

Ricardo Gareca, comandante do Peru, vê o duelo deste sábado como chave dentro do planejamento dos peruanos: ?A França desponta como a grande favorita deste grupo, mesmo a gente sabendo que o futebol hoje está muito nivelado. Portanto, entendo que o resultado deste duelo entre Peru e Dinamarca possa ter um peso importante para definir um dos classificados para as oitavas de final?, disse o treinador.

Em termos de escalação, Gareca ameaça, pelo menos nos treinos, deixar o artilheiro do Flamengo Paolo Guerrero como opção no banco de reservas. Talvez pelo desgaste. Se isso for confirmado, Edison Flores começaria jogando. Porém, seria uma ironia do destino depois de toda a luta do jogador, que chegou a ser suspenso por doping, para disputar a Copa do Mundo.

Pelo lado da Dinamarca o time vai com força máxima, uma vez que o atacante Nicolai Jörgensen, que chegou a ser dúvida por conta de desgaste na coxa esquerda, se recuperou e teve a escalação confirmada.

Pelo regulamento da Copa do Mundo, as seleções se enfrentam dentro de seus respectivos grupos em turno único. Ao fim, as duas melhores colocadas avançam para as oitavas de final, enquanto que as demais voltam para casa.

FICHA TÉCNICA

PERU X DINAMARCA

Local: Mordovia Arena, em Saransk (Rússia)

Data: 16 de junho de 2018 (Sábado)

Horário: 13h (de Brasília)

Árbitro: Bakary Gassama (Gâmbia)

Assistentes: Jean Birumushahu (Burundi) e Abdelhak Etchiali (Argélia)

PERU: Pedro Gallese, Advíncula, Rodriguez, Ramos, Miguel Trauco; Tapia, Yotún, Flores, Farfán, Carillo e Guerrero.

Técnico: Ricardo Gareca

DINAMARCA: Schmeichel, Dalsgaard, Kjaer, Christensen, Stryger; William Kvist, Delaney e Christian Eriksen; Poulsen, Jörgensen e Pione Sisto.

Técnico: Åge Hareide

Gazeta Esportiva

TAGS