Participamos do

Xavi revela convite para assumir a Seleção Brasileira após a Copa de 2022

O espanhol seria auxiliar de Tite antes de assumir o comando técnico definitivamente logo após a Copa no Qatar. O convite foi recusado porque o ídolo do Barcelona focava no time catalão
13:40 | Nov. 08, 2021
Autor Gazeta Esportiva
Foto do autor
Gazeta Esportiva Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Xavi Henández foi apresentado como novo técnico do Barcelona nesta segunda-feira, 8. Em um dos assuntos abordados na coletiva de imprensa, o espanhol confirmou que recebeu uma proposta da CBF para ser auxiliar de Tite e assumir a Seleção Brasileira após a Copa do Mundo de 2022, mas recusou já que seu objetivo era treinar o clube catalão.

"É certo que me ofereceram. Primeiro ia ser ajudante de Tite, e depois do mundial, assumiria a Seleção. Mas a minha ideia era treinar o Barça", afirmou o ex-jogador campeão do mundo com a Espanha em 2010.

Xavi é um dos maiores ídolos do Barcelona por tudo que realizou que alcançou no clube como jogador. Foram 767 jogos, com 85 gols marcados e 185 assistências.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Antes de se aposentar, jogou no Al Sadd, do Catar, clube em que realizou seu primeiro trabalho como treinador. Comandou a equipe em 91 partidas, desde 2019, com 62 vitórias, 13 empates e 16 derrotas. No período, conquistou sete títulos com o time.

 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags