PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Próximo adversário do Fortaleza, Athletico-PR não perde em casa na Série A há nove jogos

Última derrota do Furacão na Arena da Baixada pela Série A foi em dezembro. Da sequência de nove jogos, apenas três times roubaram pelo menos um ponto do Athletico-PR como visitante

Brenno Rebouças
14:09 | 02/07/2021
O Athletico-PR venceu o Atlético-GO, manteve o 100% e assumiu a liderança do Fortaleza no Brasileirão (Foto: José Tramontin/athletico.com.br)
O Athletico-PR venceu o Atlético-GO, manteve o 100% e assumiu a liderança do Fortaleza no Brasileirão (Foto: José Tramontin/athletico.com.br)

Vice-líder da Série A do Brasileiro, o Athletico-PR é um adversário complicado de se enfrentar em qualquer ocasião, mas se o jogo for na Arena da Baixada, em Curitiba, o Furacão se torna ainda mais indigesto. Em seus domínios, o rubro-negro não perde na elite nacional desde o ano passado.

O último revés como mandante na Série A foi na 25ª rodada da edição de 2020, em 12 de dezembro, para o Atlético-MG, por 1 a 0. De lá para cá foram nove jogos, sendo três já pela edição 2021 do Campeonato Brasileiro, e ninguém conseguiu desbancar o Furacão na Baixada.

Roubar um pontinho que seja da equipe atleticana em Curitiba também não tem sido fácil. Nessa sequência de nove jogos, somente Chapecoense, já este ano, Inter e São Paulo, ambos ano passado, conseguiram empatar no estádio do rubro-negro.

A missão do Fortaleza, adversário do Athletico-PR neste sábado, 3, pela 9ª rodada da Série A, na Arena da Baixada, portanto, é bem difícil. O tricolor, no entanto, vem se saindo bem como visitante. Dos quatro jogos que fez fora de casa, venceu um, empatou dois e só perdeu para o Flamengo.

Além do tabu de bater o Furacão em seus domínios, o Leão terá outro para tentar quebrar também, neste sábado. É o de ganhar do Athletico-PR de qualquer maneira. Há cinco partidas que isso não acontece, tendo as últimas quatro todas sido vencidas pelo rubro-negro. O espaço de tempo é pequeno. As duas equipes se enfrentaram seis vezes de 2019 para cá e o único triunfo tricolor foi em maio de 2019, por 2 a 1, de virada, no Castelão.