PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

STF julga ação pela suspensão da Copa América nesta quinta-feira

Realização do torneio continental no Brasil em meio à pandemia de Covid-19 tem gerado críticas de profissionais da saúde e políticos. Audiência foi solicitada pela ministra Cármen Lúcia

18:28 | 08/06/2021
STF marca sessão extraordinária para julgar ação contra realização da Copa América no Brasil (Foto: Luis Acosta / AFP)
STF marca sessão extraordinária para julgar ação contra realização da Copa América no Brasil (Foto: Luis Acosta / AFP)

O Supremo Tribunal Federal (STF) realizará na próxima quinta-feira, 10, uma sessão extraordinária para julgar a realização da Copa América no Brasil. A audiência foi solicitada pela ministra Cármen Lúcia, que teve seu pedido aceito pelo presidente do órgão, o ministro Luiz Fux.

Desde que a Conmebol anunciou oficialmente que a Copa América seria no Brasil, a Confederação Nacional dos Trabalhadores Metalúrgicos (CNTM) e o Partido Socialista Brasileiro (PSB) entraram com ações no STF tentando impedir a realização da competição no país.

A sessão faz parte de um processo impetrado pelo Partido Socialista Brasileiro (PSB) e o deputado federal Júlio César Delgado, que tem a relatoria de Cármen Lúcia. Na audiência, será analisado ao longo de 24 horas, em plenário virtual, como proceder com o torneio.

Inicialmente, a Copa América seria organizada na Argentina e na Colômbia, que desistiram de sediar a competição por conta de problemas internos e da situação de covid-19 no país, respectivamente.

No dia 31 de maio, a Conmebol anunciou que o torneio seria realizado no Brasil, decisão que acarretou em críticas. A abertura da Copa América, que será realizada no no Estádio Mané Garrincha, está marcada para este domingo. Às 18 horas, a Seleção Brasileira enfrenta a Venezuela em partida válida pelo Grupo B.