PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Nudtor avisa que 13 estádios cearenses podem ficar inaptos para jogos em abril

Praças esportivas mencionadas pelo Núcleo de Desporte e Defesa do Torcedor já estão com documentos fora do prazo de validade e precisam regularizar situação até 12 de abril.

Brenno Rebouças
17:53 | 29/03/2021
Estádio Domingão, em Horizonte (Foto: Divulgação/FCF)
Estádio Domingão, em Horizonte (Foto: Divulgação/FCF)

O Núcleo do Desporto e Defesa do Torcedor (Nudtor) comunicou nesta segunda-feira, 29, que 13 estádios cearenses ficarão proibidos de receber jogos de futebol a partir do dia 13 de abril, caso não entreguem laudos atualizados de engenharia e prevenção e combate à incêndios. A medida complicaria a retomada do Campeonato Cearense Série A e também a Série B do Estadual, prevista para 25 de abril.

Claro que a realização das duas competições depende de liberação do Governo do Estado, que proibiu jogos de futebol de nível local quando voltou a adotar lockdown, em março. A Federação Cearense de Futebol já solicitou formalmente a inclusão das competições que promove na primeira fase da retomada, ainda sem data definida

O certo é que se voltarem em abril, as séries A e B do Estadual poderão ficar sem estádios para alocar jogos, caso os documentos exigidos não sejam atualizados. Para que um estádio seja considerado apto, são ncessários documentos da Polícia Militar, Vigilância Sanitária, Corpo de Bombeiros e CREA (engenharia), mas o Nudtor está exigindo no momento apenas os dois últimos, já que os outros são mais ligados à presença de torcida nas praças esportivas, o que está vetado devido a pandemia.

Estão com laudos de prevenção e combate a incêndios vencidos os estádios Abilhão (Quixadá), Bandeirão (Limoeiro), Domingão (Horizonte), Elzir Cabral (Fortaleza), Geraldão (Brejo Santo), Inaldão (Barbalha), João Ronaldo (Pacajus), Jumelão (Crateús), Presidente Vargas (Fortaleza), Moraisão (Maranguape), Mouraozão (Nova Russas), Raimundo de Oliveira (Caucaia) e Romeirão (Juazeiro do Norte).

Já as praças esportivas com laudos de engenharia vencidos são: Bandeirão (Limoeiro), Elzir Cabral (Fortaleza), Geraldão (Brejo Santo), Jumelão (Crateús), Presidente Vargas (Fortaleza), Moraisão (Maranguape), Morenão (Iguatu) e Romeirão (Juazeiro do Norte).

O Nudtor deu um prazo para a FCF repassar os laudos desses estádios atualizados até 12 de abril. A mentora do futebol cearense não é a responsável por correr atrás desses documentos, mas faz um acompanhamento e cobra dos gestores das praças esportivas porque precisa delas para a realização dos campeonatos.

Apenas quatro estádios estão com os laudos em dia. Além do Castelão, o Junco (Sobral), o Mirandão (Crato) e o Perilo Teixeira (Itapipoca) não correm riscos de ficarem inaptos para paridas oficiais.