PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Campeonato Cearense: FCF tem conversas com empresa que transmite a Copa do Nordeste

Sem acerto com nenhuma emissora de televisão até o momento, a Federação Cearense de Futebol (FCF) conversa com a empresa LiveMode, detentora do Nordestão

Lucas Mota
18:31 | 09/02/2021
Campeonato Cearense ainda não tem acerto para transmissão na TV aberta (Foto: JÚLIO CAESAR)
Campeonato Cearense ainda não tem acerto para transmissão na TV aberta (Foto: JÚLIO CAESAR)

Os direitos de transmissão do Campeonato Cearense seguem com situação indefinida. Sem acerto com nenhuma emissora de televisão até o momento, a Federação Cearense de Futebol (FCF) tem conversas com a empresa LiveMode para a transmissão da competição.

Por enquanto, as conversas giram em torno do modelo de transmissão, a quantidade de partidas a ser exibida e em qual plataforma. A LiveMode é a criadora da plataforma de streaming NordesteFC (ex-LiveFC) e detém os direitos de transmissão da Copa do Nordeste desde 2019.

O Campeonato Cearense 2021 começa nesta quinta-feira, 10. Os dois jogos que abrem a primeira rodada do Estadual (Pacajus x Caucaia e Guarany de Sobral x Barbalha) serão transmitidos no canal da Federação no Youtube e na página no Facebook, através da FCF TV, que transmite partidas ao vivo pela internet desde 2013.

Em entrevista ao programa Futebol do POVO na semana passada, o presidente da Federação, Mauro Carmélio, confirmou que tem proposta da TV Verdes Mares e há interesse da TV Jangadeiro.

"Temos uma proposta da TV Verdes Mares (Sistema Verdes Mares), que está sendo passada devagarinho para os clubes, e a TV Jangadeiro demonstrou interesse, mas não me apresentou números para que eu possa apresentar aos filiados", comentou.

A ideia da Federação é vender o Estadual de forma diferente de anos anteriores, fatiando em três modalidades: TV aberta, TV fechada e Streaming. Mauro Carmélio disse que algumas plataformas de transmissão online demonstraram interesse, mas também não oficializaram proposta.

O dirigente admite que os valores oferecidos pelos grupos interessados em comprar direitos de exibição do Campeonato Cearense podem ser menores que os oferecidos em anos anteriores, graças à crise financeira gerada pela pandemia do novo coronavírus. Cabe aos clubes participantes, no entanto, aceitar ou declinar das propostas feitas.