PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Protocolo da FCF orienta treinos com grupos de jogadores de posições diferentes

Médico Henrique Bastos dá detalhes sobre o protocolo de volta aos treinos para os clubes cearenses. Procedimento só será validado quando houver liberação do Governo

Lucas Mota
18:39 | 25/05/2020
Henrique Bastos é o coordenador do protocolo de segurança da FCF (Foto: Reprodução/Instagram )
Henrique Bastos é o coordenador do protocolo de segurança da FCF (Foto: Reprodução/Instagram )

O médico Henrique Bastos, que coordenou o protocolo de segurança da Federação Cearense de Futebol (FCF) para a volta dos treinos, deu detalhes sobre os estágios em que as atividades serão retomadas. Em entrevista exclusiva para o Futebol do Povo nesta segunda-feira, 25, ele revelou a orientação para que os treinamentos iniciais sejam realizados com pequenos grupos isolados de quatro atletas de posições diferentes.

+ FCF conclui protocolo para treinos e envia ao Governo

O objetivo é preservar os times de desfalques de atletas de uma mesma posição em caso de possíveis contaminações por coronavírus. Além disso, o médico reforça que todos os jogadores passarão por testes antes do início das atividades.

"Estamos orientando a todos que o início seja com treinamentos individuais. Depois treinos com pequenos grupos de quatro atletas, e não podem ser da mesma posição. Se um atleta desse grupo de quatro for contaminado, esses quatro jogadores vão ter que ser isolados. Se forem dois laterais-direitos, o time já perdeu a lateral-direita. Depois de grupos de quatro para grupos de oito até chegar aos coletivos. A gente vai passar por todo esse processo de retorno e tem que ser lento obedecendo a essas fases", afirmou Henrique Bastos.

O deslocamento dos jogadores aos treinos, segundo orientação prevista no protocolo, deve ser feito em carros particulares e de forma individual. "Não podem pegar carona com amigos. Quando sair do carro, usar máscara e fazer o asseio das mãos com o mínimo de contato possível. Outros funcionários serão restritos no clube. Terminou o treino, (o atleta) faz o asseio das mãos, retorna ao carro com o uso de máscara e vai para casa sem parada em nenhum canto", comentou.

O protocolo será validado somente após liberação do Governo Estadual para as atividades nos clubes cearenses. Por enquanto, o decreto atual aplicado pelo governador Camilo Santana com isolamento social rígido vai até o dia 31 de maio, podendo ser renovado ou flexibilizado.

VEJA A ENTREVISTA COMPLETA COM O MÉDICO HENRIQUE BASTOS: