PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

CBF acerta retorno de rotina com os clubes e explana ideia de retomada do futebol em maio

Com isso, as equipes que deram férias ao jogadores vão estender esse período por mais 10 dias

Brenno Rebouças
20:25 | 14/04/2020
Sede da CBF, no Rio de Janeiro
Sede da CBF, no Rio de Janeiro (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)

Em mais uma videoconferência entre clubes e CBF, na tarde desta terça-feira, 14, ficou definido que a retomada dos trabalhos das equipes acontecerá a partir do dia 1º de maio. Inicialmente, apenas os treinamentos devem ser liberados e a ideia é que o período de intertemporada dure entre 15 e 20 dias.

Com isso, as equipes que deram férias ao jogadores vão estender esse período por mais 10 dias, completando um mês. Ceará e Fortaleza já confirmaram que jogadores e funcionários vão ficar em casa até o dia 30 de abril.

Apesar de manter o discurso de que vai se pautar pelas orientações dos órgãos de saúde, a CBF explanou aos clubes o que imagina para o retorno do futebol brasileiro. O Esportes O POVO apurou que o desejo é de que a Série A do Brasileiro comece em julho.

Antes disso, os campeonatos estaduais e a Copa do Nordeste teriam de ser concluídos. O período especulado seria de 20 de maio até o fim de junho, para ambos. Alguns jogos da Copa do Brasil poderiam ser retomados nesse intervalo. A partir do mês seguinte, a prioridade seria o Campeonato Brasileiro, que teria em paralelo às competições da Conmebol e o restante da Copa do Brasil.

É impossível, no entanto, garantir que esses prazos sejam cumpridos. A única coisa que ficou acertada na reunião foi a retomada dos treinos a partir de maio e alguns dirigentes admitem que até mesmo essa data pode ser adiada.

A CBF prometeu debater novamente sobre a retomada de todas as competições na reta final do mês de abril, já com novas informações sobre o quadro da pandemia de coronavírus.