PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Fred, do canal Desimpedidos, emociona cearenses e fala de "birra" do brasileiro sobre a seleção masculina

Youtuber concedeu entrevista exclusiva para O POVO durante passagem por Fortaleza, no domingo, 30, quando centenas de fãs se reuniram para vê-lo: "Isso me dá uma alegria incrível"

12:49 | 02/07/2019
"Isso me dá uma alegria incrível", disse o youtuber em entrevista exclusiva ao O POVO (Foto: Instagram / Reprodução)

Sorriso leve, choro fácil e carisma indescritível são algumas das características de Bruno Carneiro Nunes, que em 2015 mudou o rumo de sua vida ao ingressar no canal do Youtube Desimpedidos. Filho de pais cearenses e nascido em São Paulo, ganhou o apelido de Fred e tornou-se um dos ícones do futebol brasileiro atual. De especial habilidade com a bola nos pés e capacidade em frente às câmeras maior ainda, ele arrasta multidões por onde passa e é uma referência para crianças, adolescentes e jovens pelo País.

Com desafios, entrevistas e encontros emocionantes com astros do mundo da bola, como Cristiano Ronaldo, Ronaldinho Gaúcho, Pelé e Marta, Fred encanta, emociona e diverte os mais de sete milhões de inscritos do Desimpedidos – maior do Brasil sobre futebol. Individualmente, o youtuber também é um sucesso, popularizando expressões e agora também moda entre atletas e torcedores.

Em parceria com a Adidas, ele lançou coleção de camisas tendo a Copa América 2019 como tema. Percorrendo o País com sua divulgação, Fred desembarcou em Fortaleza no último domingo, 30 de junho, para sessão de autógrafos, fotos, risadas e lágrimas com os cearenses. Na loja da marca, no Shopping RioMar Papicu, centenas de fãs se amontoaram para ver de perto o ídolo das mídias sociais. Trazendo o gol como o momento mais importante do futebol, a linha de camisetas tem como significado a magia do esporte.

“Quando eu era criança, meu sonho era vestir a camisa da seleção. Não consegui como jogador, mas fui conquistando meu espaço, meus objetivos e acabei alcançando minha própria estampa para torcer pelo Brasil”, declarou em entrevista exclusiva para O POVO. Sobre o carinho recebido pelo público cearense, mesmo com trabalho centralizado no Sul e no Sudeste, refletiu: “Nós temos sete milhões de inscritos, que até aí é só um número. Mas quando vamos para a rua, para o Norte ou para o Nordeste, sentidos um calor e uma euforia gigantesca. Vemos esses números se transformarem em pessoas.”

Após enfrentar fila que chegou ao estacionamento do shopping, diversos fãs se emocionaram ao ficar diante do ídolo. “Ver isso me dá uma alegria incrível. É olhar para trás, para tudo o que eu batalhei, conquistei, e falar: ‘está dando certo, esse é o caminho’”, evidenciou o influencer. “Ao mesmo tempo que dá uma alegria, dá uma responsabilidade muito grande. A gente sabe que têm crianças assistindo, que somos exemplos, então temos que ter cuidado também. E o resultado desse sucesso com essa responsabilidade é algo totalmente satisfatório e sensacional”, concluiu.

Fred dividiu com centenas de cearenses sorrisos e lágrimas
Fred dividiu com centenas de cearenses sorrisos e lágrimas (Foto: Instagram / Reprodução)

Garoto-propaganda de marcas nacionalmente conhecidas, Fred já teve experiências no rádio, na TV e não pretende parar tão cedo. Mesmo com vida agitada, em viagens por todo o mundo, ele declara que há muitos trabalhos a serem realizados a médio e a longo prazo, tanto dentro do Youtube quanto fora dele. Segundo o influencer, o êxito obtido na plataforma é algo “engrandecedor”, mas ao mesmo tempo é um “desafio, porque tem de se renovar a todo momento”.

“Então estamos criando quadros novos no Desimpedidos para o ano que vem, mas estamos querendo também fazer um projeto no cinema, uma coisa da minha carreira junto com o Chico (outro apresentador do canal)”, revelou. “Tem ainda vários outros projetos que quero fazer, como escrever um livro, rodar o Brasil com uma peça ou uma interação com o público. Tenho uma série de objetivos a serem cumpridos”, disse, com sorriso no rosto e olhar para o horizonte.

Seleção brasileira masculina e feminina

Quando se fala em futebol moderno, Fred é um dos primeiros nomes lembrados por estar constantemente presente em cobertura futebolísticas, premiações e jogos profissionais e festivos. Palmeirense assumido, também é torcedor ícone da seleção brasileira. Na Copa do Mundo da Rússia do ano passado, por exemplo, contribuiu com a divulgação de cantos que foram entoados em estádios russos e em bares brasileiros.

Fred admite, porém, que o momento atual da seleção brasileira masculina não é dos melhores, diferentemente da fase vivida pela equipe feminina que tem ganhado mais espaço no coração do torcedor. Para ele, que se diz “patriota em relação ao futebol”, é difícil fazer comparativo com um “amor anulando o outro”. “Mas fico muito feliz pelo público brasileiro passar a acompanhar mais o futebol feminino. Espero que isso não seja só na Copa do Mundo, porque as mulheres precisam de apoio mais ainda no dia a dia, e não só em quatro e quatro anos”, estimou.

Ele admitiu ainda que o brasileiro “pegou uma birrinha” da seleção masculina, mas ainda assim se mostrou otimista sobre o futuro. “Pode ter certeza que em 2022, na Copa do Mundo, vamos todos estar unidos outra vez e com vontade de estar lá no Catar, torcendo juntos pelo Brasil.”

Wanderson Trindade