PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Jogadores e clubes prestam solidariedade a Sidão, goleiro do Vasco

Após o constrangimento causado por uma votação de melhor jogador dado pela Rede Globo ao goleiro Sidão, vários jogadores, de diversos clubes, se manifestaram a favor do profissional e contra a atitude da emissora pelo prêmio entregue e falta de sensibilidade para com o atleta.

10:17 | 13/05/2019
Goleiro foi eleito
Goleiro foi eleito "Craque do jogo" contra o Santos, em enquete promovida pelo site Globoesporte.com(Foto: Santos/Divulgação)

Após o constrangimento causado por uma votação de melhor jogador dado pela Rede Globo ao goleiro Sidão, vários jogadores, de diversos clubes, se manifestaram a favor do profissional e contra a atitude da emissora pelo prêmio entregue e falta de sensibilidade para com o atleta.

O São Paulo se manifestou a favor de seu ex-arqueiro. “Não tira esse sorriso do rosto, porque amanhã é um novo dia”, escreveu o clube. Hudson, ex-companheiro, também se solidarizou. “Em relação ao ocorrido com meu companheiro Sidão, quero parabenizá-lo pela personalidade naquele momento. Não é fácil ser exposto daquela forma após um resultado adverso. Máximo respeito!”, tuitou.

O Santos, rival da derrota do último domingo, também se manifestou com um trecho da música “Tá escrito”, do grupo de pagode Revelação, enquanto jogadores do Palmeiras também usaram suas redes sociais, como Moisés e Bruno Henrique. “Nós, jogadores do Palmeiras, repudiamos a brincadeira de mau gosto feita com o Sidão. Nós temos de dar o exemplo de saber perder, mas ser expostos ao ridículo é inaceitável”. Rodrigo Pimpão, do Botafogo, não deixou o assunto passar.

Fora do Brasil, Neymar usou a função stories do Instagram para apoiar o colega de profissão. “Muito triste ver essas coisas. Faz parte ter um dia ruim, mas nem por isso pode fazer essas coisas. Você é grande, craque! Acredite em quem acreditou em você no começo: sua família e seus amigos de verdade”, escreveu com uma foto de Sidão.

A Rede Globo pediu desculpas ao jogador, inclusive mudando as regras da votação popular para craque do jogo a partir desta semana. Antes disso, porém, Walter Casagrande, comentarista da emissora, já havia se colocado contra o ocorrido. “Eu quero pedir desculpas ao Sidão por essa ironia de mau gosto com esse troféu ridículo, o Sidão é um trabalhador honesto e merece respeito de todos, me desculpe mesmo!”.

O Vasco emitiu um comunicado na noite do último domingo, chamando a exposição de “equivocada, constrangedora e desnecessária do atleta”. Maxi Lopez e outros jogadores do Cruz-Maltino também usaram as redes sociais para apoiar o companheiro.

Sidão não teve uma boa atuação no último domingo, quando o Santos venceu o Vasco por 3 a 0, com gols de Diego Pituca, Rodrygo e Soteldo, no Pacaembu, tendo contribuído diretamente para a derrota. Em ato de ironia, internautas votaram justamente no arqueiro para receber o prêmio de Craque do Jogo, dado pela TV Globo. Ao final da partida, a repórter Julia Guimarães, bastante desconfortável, entregou a premiação ao jogador, visivelmente constrangido.

O Vasco, clube de Sidão, também emitiu nota sobre o constrangimento vivido pelo jogador. Confira!

O Club de Regatas Vasco da Gama repudia a exposição equivocada, constrangedora e desnecessária do atleta Sidão em rede nacional ao fim do jogo contra o Santos, em uma infeliz entrada ao vivo para a entrega de um prêmio que evidentemente não representava o espírito proposto. O Clube entende que a ironia, não por outra razão também chamada de “espírito esportivo”, faz parte do futebol. Da mesma forma, o Clube respeita a opinião pública e convive harmonicamente com reivindicações e críticas de seus torcedores e de todo o ambiente do futebol. No entanto, o episódio deste domingo (12/05) vai muito além desta questão. O Clube está convicto de que ele poderia ter sido perfeitamente evitado. A partir deste caso didático, a própria Rede Globo já anunciou que reverá os critérios de votação durante as partidas de futebol, uma maneira de evitar a repetição de situações desrespeitosas a outros profissionais e a depreciação de um importante produto de suas transmissões. Acreditamos que a emissora – uma importante parceira não apenas do Vasco da Gama, mas do futebol brasileiro – terá a habitual sensibilidade para conduzir este caso e, se assim entender, manifestar publicamente um pedido de desculpas ao Club de Regatas Vasco da Gama e a seus torcedores, assim como já o fez ao profissional Sidão.

Manifestamos nossa solidariedade ao atleta Sidão e aproveitamos ainda para agradecer a demonstração de apoio de diversos profissionais, com destaque para o comentarista Walter Casagrande Jr., que reconheceu o deslize, mesmo estando presente na citada transmissão. Este espírito deve guiar a boa convivência no esporte.

Club de Regatas Vasco da Gama

Diretoria Administrativa

Gazeta Esportiva