PUBLICIDADE
Futebol
INSTAGRAM

Cearense que sobreviveu ao incêndio no CT do Flamengo homenageia amigos com tatuagem

Em 8 de fevereiro, um incêndio atingiu o Centro de Treinamento do Flamengo, no Rio de Janeiro, e matou 10 atletas das categorias de base

08:37 | 23/03/2019

Quase dois meses após a tragédia que vitimou dez jovens no Centro de Treinamento do Flamengo, o cearense Dyogo Alves fez uma tatuagem para homenagear amigos que morreram no incêndio. A foto postada em sua conta no Instagram nesta sexta-feira, 22.

Em 8 de fevereiro, um incêndio atingiu o Centro de Treinamento do Flamengo, no Rio de Janeiro, e matou 10 atletas das categorias de base, além de deixar outros três feridos. As vítimas são Athila Paixão, de 14 anos; Arthur Vinícius de Barros Silva Freitas; 14 anos; Bernardo Pisetta, 14 anos; Christian Esmério, 15 anos; Gedson Santos, 14 anos; Jorge Eduardo Santos, 15 anos; Pablo Henrique da Silva Matos, 14 anos; Rykelmo de Souza Vianna, 16 anos; Samuel Thomas Rosa, 15 anos; Vitor Isaías, 15 anos.

Redação O POVO Online