PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Mbappe e Neymar comandam 12ª vitória seguida do PSG no Francês

12 jogos, 12 vitórias. A campanha do Paris Saint-Germain no Campeonato Francês continua irretocável. Nesta sexta-feira, o time da capital francesa recebeu o vice-líder Lille no Parque dos Príncipes e teve dificuldades para furar a defesa adversária, mas venceu por 2 a 1 com gols de Mbappe e Neymar. Pepé, de pênalti, descontou para o [?]

19:15 | 02/11/2018

12 jogos, 12 vitórias. A campanha do Paris Saint-Germain no Campeonato Francês continua irretocável. Nesta sexta-feira, o time da capital francesa recebeu o vice-líder Lille no Parque dos Príncipes e teve dificuldades para furar a defesa adversária, mas venceu por 2 a 1 com gols de Mbappe e Neymar. Pepé, de pênalti, descontou para o Lille.

Com a vitória, o PSG chega a 36 pontos no Campeonato Francês, abrindo 11 pontos de vantagem para o Lille, que soma 25. Mais líder do que nunca, o PSG visita o Monaco na próxima rodada tentando manter a campanha perfeita. O time de Falcao Garcia é a grande decepção do Campeonato Francês, já que está na penúltima colocação com apenas sete pontos em 11 jogos. Já o Lille joga em casa diante do Strasbourg.

PSG domina o primeiro tempo, mas não balança a rede

Como se esperava, o PSG começou a partida com a bola no pé tentando encontrar espaços na defesa do Lille. Mas o que sobrou de posse de bola faltou em agressividade. O time da casa teve 68% da posse de bola na primeira etapa, mas só finalizou duas vezes na direção do gol e errou vários passes no campo de ataque.

O Paris Saint-Germain conseguiu invadir a área do Lille duas vezes em cinco minutos de jogo. Na primeira vez, aos três minutos, o alemão Draxler tentou passe de calcanhar, mas deu no pé do defensor. Dois minutos depois, Meunier tentou cruzamento rasteiro para Mbappe, mas também parou na defesa.

Pressionado, o Lille respondeu aos sete minutos, quando Xeka arriscou de muito longe e Buffon defendeu sem grandes problemas. Foi a única finalização certa dos visitantes no primeiro tempo.

Aos nove minutos, o PSG chegou muito perto de abrir o placar. Mbappe recebeu de Neymar na área e chutou rasteiro, cruzado. A bola passou raspando a trave do goleiro Maignan, que nada poderia fazer se a bola fosse em direção ao gol.

Depois da chance de Mbappe, o PSG só voltou a ameaçar aos 22 minutos, quando Neymar cobrou escanteio e Marquinhos cabeceou com muito perigo. Já aos 29, Meunier recebeu de Mbappe na área e, cara a cara com o goleiro, chutou por cima do travessão.

A última chance de perigo do primeiro tempo veio dos pés de Neymar. Em falta de longe, a defesa do Lille se preparou para um cruzamento, mas o brasileiro chutou direto para o gol. O goleiro Maignan, que também esperava um cruzamento, conseguiu se recuperar, espalmar para escanteio e evitar o primeiro gol do jogo.

Mbappe abre o placar com gol de placa

Tentando sair de campo com três pontos, o PSG voltou do intervalo ainda mais ofensivo, mas novamente pecou nas conclusões. Um dos melhores em campo, o lateral Meunier teve nova chance de desempatar o jogo, mas acabou desperdiçando. O belga recebeu de Di María na área e, podendo finalizar, preferiu cruzar para Mbappe e acabou errando.

Como o PSG encontrava dificuldades para furar a retranca do Lille, Mbappe resolveu usar toda a sua habilidade para abrir o placar. Aos 24 minutos, o craque francês recebeu passe de Neymar e chutou de fora da área, sem chances para o goleiro adversário.

Neymar deixa o seu e Lille desconta de pênalti

Garçom no primeiro gol, o brasileiro Neymar teve algumas chances de deixar o seu ao longo da partida, mas só conseguiu balançar a rede aos 38 minutos. O atacante tabelou com Mbappe e chutou rasteiro para fazer 2 a 0 e encaminhar a vitória do PSG.

Ainda deu tempo para o Lille acrescentar um tom dramático à partida. Aos 47 minutos, o zagueiro Kehrer tentou cabecear na área, mas acabou tocando na bola com o braço e o árbitro marcou pênalti. Na cobrança, Pepé chutou forte, venceu Buffon e marcou o último gol da partida no Parque dos Príncipes.

Gazeta Esportiva

TAGS