Termo de Uso Política de Privacidade Política de Cookies Conheça O POVO Trabalhe Conosco Fale com a gente Assine Ombudsman
Participamos do

Leonardo quer Milan dominante e cobra por resultados

Nos últimos anos, o Milan deixou de ser protagonista do futebol mundial e se tornou um mero coadjuvante. Em busca de retomar a mentalidade vencedora, o clube apostou em Leonardo como diretor de futebol. No entanto, o começo de temporada é irregular. Em quatro partidas disputadas pelo Campeonato Italiano, foi apenas uma vitória, dois empates [?]
14:15 | Set. 24, 2018
Autor O Povo
Foto do autor
O Povo Jornal
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Nos últimos anos, o Milan deixou de ser protagonista do futebol mundial e se tornou um mero coadjuvante. Em busca de retomar a mentalidade vencedora, o clube apostou em Leonardo como diretor de futebol.

No entanto, o começo de temporada é irregular. Em quatro partidas disputadas pelo Campeonato Italiano, foi apenas uma vitória, dois empates e uma derrota, além de ter triunfado na estreia da Liga Europa. Lembrando que pela competição doméstica, o rossonero ainda tem um jogo a menos em relação aos demais adversários.

Em partida disputada no último domingo, o Milan apenas empatou com a Atalanta pelo placar de 2 a 2, no San Siro. O time, chegou a abrir 2 a 0 no marcador, mas relaxou e acabou cedendo o empate.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Após a partida, Leonardo foi questionado sobre a permanência de Gattuso no comando técnico. O diretor garantiu que, apesar de ter um planejamento a longo prazo, frisou a importância de ter resultados imediatos.

?Temos de voltar a ser uma equipe dominadora, saber sofrer e matar os jogos. O projeto é a longo prazo e o treinador faz parte dele. No entanto, não podemos nos permitir esperar. Gattuso há que dar um sinal de melhora nos próximos jogos?, afirmou o dirigente.

Na próxima rodada, o Milan enfrentará o Empoli às 16h00 (horário de Brasília), fora de casa. Será a chance da reabilitação e do time deixar a modesta 12ª colocação no Italiano.

Gazeta Esportiva

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags