PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Sem vencer há três jogos, Ponte Preta enfrenta Avaí na Fonte Luminosa

Terminar bem e com vitória o primeiro turno da Série B do Campeonato Brasileiro é uma ambição comum a Ponte Preta e Avaí, que se enfrentam neste sábado, às 19h30 (de Brasília), na Arena Fonte Luminosa, em Araraquara, pela 19ª rodada. Sem vencer nos últimos três jogos, os dois times tentam reencontrar o caminho dos [?]

20:15 | 03/08/2018

Terminar bem e com vitória o primeiro turno da Série B do Campeonato Brasileiro é uma ambição comum a Ponte Preta e Avaí, que se enfrentam neste sábado, às 19h30 (de Brasília), na Arena Fonte Luminosa, em Araraquara, pela 19ª rodada. Sem vencer nos últimos três jogos, os dois times tentam reencontrar o caminho dos triunfos, também, para encostar nos primeiros colocados.

Quem estranha o palco escolhido para a partida, ele se deve a punição sofrida pela Macaca junto ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), que impôs a perda de dois mandos de campo e impediu o time comandado por João Brigatti de atuar em qualquer estádio a menos de 100 quilômetros de Campinas por um rojão atirado na parte de fora do Majestoso no confronto contra o Oeste, pela sexta rodada.

Dentro de campo, a Ponte Preta tenta recuperar o bom momento vivido nos primeiros jogos sob o comando de Brigatti, quando o time emendou uma sequência de resultados positivos. Sem vencer há três jogos, o comandante adotou o mistério nos últimos treinamentos a fim de esconder a escalação que vai levar a campo.

Para a partida, a Macaca pode ter a mesma escalação do empate por 0 a 0 com o Coritiba, já que não existem desfalques em relação a última partida. Quem segue sem poder atuar é o meia Tiago Real, que se recupera de uma fibrose na coxa direita. Além dele, Murilo, Felippe Cardoso e Roberto também são desfalques há algum tempo. Um que volta ao time e, possivelmente, ao titular é Orinho, liberado pelo departamento médico.

Algumas dúvidas, porém, pairam sobre os possíveis relacionados. Victor Rangel já está regularizado e pode estrear, mas o lateral-esquerdo Nicolas e o atacante Hyuri, anunciados oficialmente como reforços nesta semana, dependem da publicação de seus nomes no BID da CBF para estarem á disposição.

Possivelmente titular no próximo sábado, atuando na lateral ou no meio-campo, Igor ressaltou o potencial do time do Avaí, mas alertou para necessidade da Ponte terminar bem o turno. ?O Avaí é um time que propõe jogo, mas acredito que virão fechados e, apesar disso, temos que fazer bom jogo para conquistar a vitória e terminar bem o primeiro turno?, disse.

Do lado do Avaí, a busca por vitória também é uma necessidade para o técnico Geninho, que para melhorar o sistema de criação pode promover a estreia do experiente meia Marquinhos. Na última semana, o camisa 10 deixou claro sua insatisfação com os poucos minutos jogados recentemente e deve ganhar a vaga de André Moritz, suspenso. Outro que entra no time é o volante Luan no lugar do suspenso Judson.

Uma dúvida ainda é o esquema que o treinador irá utilizar. Existe a expectativa de que o Avaí entre em campo com três zagueiros, até para dar mais liberdade aos jogadores de frente. Nesse cenário, quem também não tem presença garantida é Capa, que foi liberado no meio da semana para acompanhar o nascimento da filha.

Em entrevista coletiva, Geninho não confirmou a escalação e comentou a situação de Capa, que pode não iniciar por conta da parte física. ?O Capa vai (viajar), pois não temos outro jogador na mesma posição. Pode ser que ele inicie, mas vou falar com ele. Seguidamente após os jogos o Capa apresenta algum problema. Pode ser que comece e não aguente, daí perderia uma substituição, o que é ruim?, disse o treinador.

FICHA TÉCNICA

PONTE PRETA X AVAÍ

Local: Arena Fonte Luminosa, Araraquara (SP)

Data: Sábado, 04 de Agosto de 2018

Horário: 19:00 (de Brasília)

Árbitro: Emerson de Almeida Ferreira (MG)

Assistentes: Celso Luiz da Silva (MG) e Marcus Vinicius Gomes (MG)

PONTE PRETA: Ivan, Igor (Ruan), Renan Fonseca, Léo Santos e Ruan (Orinho); Nathan, João Vitor e Paulinho; André Luis, Danilo Barcelos e Júnior Santos

Técnico: João Brigatti

AVAÍ: Aranha; Aírton, Marquinhos Silva, Betão; Guga, Luan, Pedro Castro, Renato, João Paulo (Capa); Romulo e Rodrigão

Técnico: Geninho

Gazeta Esportiva

TAGS